Inscreva-se no Canal

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Todo mundo já passou por isso: conheceu uma pessoa nova, se identificou com ela e passou a considerar essa pessoa uma amiga. Depois de alguns meses, ou até anos, você percebeu que a pessoa era falsa, mentia sobre várias coisas e ainda por cima torcia para você se ferrar na vida.

É difícil encontrar uma pessoa que nunca tenha passado por algo assim, e a falsidade não é algo ruim apenas em uma amizade: colegas de trabalho também podem ser falsos e também podem prejudicar muito a sua carreira, por exemplo.

Mas então, como identificar uma pessoa que não é confiável antes que seja tarde demais?

Veja como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades:

Não confie totalmente nos seus instintos

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

O texto continua abaixo, clique no botão para continuar a leitura

Ao conhecer pessoas pela primeira vez, é bem provável que você confie em seus instintos e julgamentos. No entanto, essa nem sempre é a melhor maneira de encarar novos relacionamentos porque é bem possível que você aja de acordo com conceitos que já estabeleceu em sua cabeça e com traumas e experiências de relações passadas.

Muitas pessoas acham, por exemplo, que a “probabilidade” é um conceito difícil de lidar. Isso faz com que essas pessoas tomem decisões impulsivas e extremistas. Em outras palavras, elas escolhem 0% ou 100%. O problema com esse tipo de decisão é que as coisas (e as pessoas) não são binárias. Na realidade, elas são uma mistura de várias coisas, e então, uma pessoa que você pode considerar 100% boa, pode, de fato, ter um lado negativo que você ignora por causa dos seus conceitos pré estabelecidos.

Nós também temos uma tendência de conectar erroneamente uma ação e um efeito. Por exemplo, você vê uma notícia sobre um ataque de tubarão em uma praia que você deve visitar. Embora o ataque de tubarão seja o primeiro que acontece em décadas nesse lugar, você decide imediatamente não entrar na água durante suas férias. As chances de você ser atacado por um tubarão são incrivelmente baixas e, na realidade, milhões de pessoas nadam com segurança no mar todos os anos. Portanto, ao ficar fora da água, você permitiu que o ataque de tubarão relatado causasse um viés de correlação ilusória na sua mente.

Os preconceitos podem nos fazer avaliar erroneamente as pessoas – tanto para o bem, quanto para o mal – e isso pode ser péssimo para a gente em vários sentidos.

Fazer o julgamento errado pode ser prejudicial para você

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Imagine que você está entrevistando alguém para ser babá dos seus filhos e a última alternativa é garota de 20 e poucos anos que parece confiante e tranquila, e também tem qualificações para o cargo.

Você pede por referências e ela te entrega um documento com uma lista dos lugares onde ela já trabalhou e detalhes sobre os cursos que já fez e os lugares onde estudou. Pronto, você está decidido e vai contratar a garota. Porém, antes, você acha melhor manda-la para a casa para pesquisar sobre ela na internet e ter certeza da sua decisão.

Nesse momento você descobre que na verdade a garota pode ser uma péssima escolha porque ela já foi processada por maus tratos e outras coisas terríveis. E aí? Por pouco, e por julgar a garota de acordo com a sua primeira impressão, você quase contratou uma pessoa perigosa para cuidar dos seus filhos.

Então, isso também prova que fazer o julgamento errado sobre uma pessoa pode ser algo péssimo e só reforça a importância de não lidar com situações como essa de uma forma emocional.

Veja 7 passos para descobrir se alguém é confiável:

Observe a pessoa de diferentes perspectivas e em situações diferentes

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Não julgue uma pessoa facilmente porque, ao fazer isso, você não estará se dando tempo para formar uma avaliação precisa e racional. Em vez disso, tente observar a forma como uma pessoa se comporta em diferentes cenários.

Por exemplo, alguém no trabalho pode parecer acessível e super amigável. No entanto, você pode ver um lado diferente dessa pessoa quando ela sai para beber com os amigos. Em vez da pessoa amável que você vê no trabalho, você pode descobrir uma pessoa turbulenta, arrogante e até mesmo agressiva.

Avalie seu comportamento para ver se ele é consistente em diferentes circunstâncias

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Conforme discutimos acima, as pessoas podem mostrar diferentes lados de sua personalidade dependendo da situação em que se encontram. Uma pessoa confiável provavelmente vai mostrar um comportamento consistente, algo que não vai acontecer com alguém que é instável e que tem falhas de caráter

As pessoas com algo a esconder são geralmente amigáveis ​​no início, mas quando parece que estão prestes a serem pegas em uma mentira ou em uma situação de risco, frequentemente expressam irritação e raiva. Uma pessoa honesta provavelmente vai se mostrar muito menos divergente em suas ações.

Tire um tempo para descobrir a “imagem completa” de uma pessoa

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Você provavelmente já ouviu a expressão clássica: “não julgue um livro por sua capa”. Bem, isso é verdade não apenas para livros – mas também para pessoas. Você precisa de um tempo para realmente enxergar alguém.

Por exemplo: imagine que você acabou de se mudar para um bairro novo ou para um novo apartamento. Depois que se apresentou para seus vizinhos, imediatamente não foi com a cara de um deles porque ele pareceu grosseiro demais. Depois de alguns meses, entretanto, você descobriu que ele era uma boa pessoa e que naquele dia ele só estava chateado por causa do trabalho ou preocupado com outras coisas.

Ou seja: não tome julgamentos precipitados e tenha paciência antes de se abrir ou se afastar de alguém.

Veja se ele confia nos outros

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Quem suspeita muito dos outros normalmente não é muito confiável. Isso foi sugerido por um estudo recente sobre o comportamento dos jogadores de jogos online: o estudo descobriu que aqueles que estavam felizes em cooperar e queriam confiar nos outros jogadores traíam menos os seus colegas durante o jogo.

Em outras palavras, a confiança é uma via de duas mãos.

Pense o quanto você sabe sobre como ele pensa

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Ao entrar dentro da cabeça de alguém você pode entender como essa pessoa pensa e age. Uma maneira de fazer isso é ouvir atentamente o que essa pessoa diz. Nossas palavras muitas vezes nos traem e demonstram pensamentos verdadeiros.

Os investigadores criminais frequentemente usam este truque: ao entrevistar um suspeito, eles fazem muitas perguntas, incluindo algumas que não são específicas para o caso em particular. Eles fazem isso para ver se o suspeito revelará mais sobre ele do que ele pode querer fazer. Um culpado pode tentar muito esconder a verdade, mas em seus esforços para parecer inocente ele geralmente pode se entregar.

Quando você descobrir os padrões de pensamento de uma pessoa, você conseguirá fazer uma avaliação justa.

Tente aprender sobre o passado dele

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

A pessoa que está na sua frente pode parecer um anjo – mas o que você realmente sabe sobre ela?
Antes de dar sua confiança para alguém, faz sentido aprender sobre seu passado. Os empregadores, por exemplo, sabem disso muito bem, e quando fazem uma entrevista de emprego provavelmente já conhecem bastante sobre o passado do candidato.

É óbvio que você não precisa ser tão minucioso quando avalia uma pessoa, mas ter noção do passado dela vai ser importante para saber se ela é confiável.

Mas não se esforce demais para conhecer completamente alguém

Como saber se alguém é confiável e parar de se ferrar com amizades em 7 passos

Em vez disso, pense o quanto é legal conhecer de alguém para saber se essa pessoa é confiável. A porcentagem exata não tem importância, o principal é entender o suficiente sobre uma pessoa para ter confiança em decidir se ela pode ser confiável. Um bom exemplo disso, por exemplo, é o que acontece quando escolhemos um mecânico para cuidar do nosso carro: seu anúncio na internet pode parecer confiável, mas depois de pesquisar um pouco sobre um mecânico específico você descobre que ele não é tão bom assim.

Todos nós temos problemas de confiança uma vez ou outra, é parte da natureza humana. No entanto, se você seguir as 7 dicas acima, você pode melhorar suas habilidades de avaliação e isso pode te ajudar a se aproximar e fazer amizade com pessoas de confiança!

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »