Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Sim, pode ser incomodo quando a sua namorada menciona um ex-namorado, ou quando ela parece ser “amiga” demais de um outro cara. Mas será que o ciúme realmente faz bem para um relacionamento? Será que sentir ciúmes realmente é uma demonstração de afeto? Ou qualquer nível de ciúme é nocivo para um casal?

A ciência mostra que, na verdade, qualquer ciúme é capaz de destruir um relacionamento. Veja as piores situações de acordo com a revista digital Psychology Today, como elas podem te afastar da pessoa que você ama e suas possíveis origens:

Você se sente inseguro, quer você perceba ou não

Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Reprodução

A primeira causa do ciúme é uma insegurança, que se manifesta como consciente ou subconsciente. Quando consciente, você está ciente de não se sentir “bom o suficientemente”. Você não acha que merece sua namorada ou um relacionamento feliz. Quando é subconsciente, você não pensa em não ser bom o suficiente, mas tem gatilhos subconscientes brincando na sua cabeça.

Sempre que seu relacionamento começa a melhorar, você começa a praticar a autosabotagem por meio do ciúme, apenas esperando que sua namorada encontre alguém melhor e deixe você. Como você está sempre atento ao menor sinal de desvio, você pode enlouquecer e enlouquecer a pessoa que você ama.

Você tem tanta certeza de que ela vai te trair, que fica muito atento a cada movimento que ela faz. Você a acusa de várias coisas, viola a privacidade dela a cada esquina – checando o celular dela, lendo seu e-mail e a seguindo pela cidade.

O que você pode fazer? Bom, parar. Tome a decisão de confiar na sua namorada. Confiança é um comportamento; é algo que você faz. Desenvolva um diálogo interno sempre que estiver com ciúmes. Diga a si mesmo que você merece felicidade. Você merece um relacionamento maravilhoso. Sua namorada ama você. De todas as pessoas do mundo, ela escolheu você.

Seu passado te assombra

Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Reprodução

Às vezes, o ciúme deriva de experiências passadas: alguém de um relacionamento passado traiu você ou talvez você tenha visto alguém de quem você gosta passar por essa provação com outra pessoa. Talvez até a sua atual namorada tenha te traído no passado e, por isso, você tem medo de baixar a guarda porque você nunca mais vai querer passar por aquela dor horrível.

O que você pode fazer? Bom, se a experiência passada envolveu alguém que não seja sua namorada atual, lembre-se de que ela não fez nada de errado. Enfatize que você poderia afastá-la com seu ciúme. Lembre-se de que você sobreviveu a última experiência e sabe como fazer isso se precisar lutar novamente.

Se a pessoa que te traiu é sua namorada atual, lembre-se de que você decidiu ou se comprometeu a perdoar. Quando você faz esse compromisso, você deve parar de tentar puni-la por suas indiscrições do passado e confiar nela.

Você acredita que é dono da sua namorada

Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Reprodução

Outra forma de ciúme vem de acreditar que sua namorada pertence a você. Quando você tem essa mentalidade, não há espaço para ela falar com outro cara.

O problema disso é que o ciúme nunca é atraente. Sempre que você acusa as pessoas de coisas que elas não estão fazendo, você aumenta as chances de elas fazerem isso apenas para irritar você. Afinal, você está punindo-os como se fossem culpados, então por que não fazer o crime?

Se este é você, lembre-se que você não possui ninguém. Sua namorada tem livre arbítrio e estará com você o quanto quiser e o deixará quando ela escolher. Você não pode controlá-la para viver uma vida que ela não quer viver.

O que você pode fazer? Lembre-se que ela estará mais propensa a ficar com você se você for legal com ela, e, acima de tudo, confiante.

Fale com a sua namorada

Descubra como o seu ciúme pode acabar com o relacionamento (segundo a ciência)!

Reprodução

O mais importante é saber quando o ciúme está tomando conta de sua decisão e quando a visão clara está liderando o caminho. Para muitas pessoas, os impulsos ciumentos são movidos pelo medo e não estão ligados a fatos. A visão clara vem com uma sensação de certeza, mesmo que você não goste do que está sendo levado para falar ou fazer.

Quando você tiver uma prova confiável de que sua parceira está mentindo, quebrando promessas ou desrespeitando você, comunique-se com ela sobre isso. Abra uma conversa estabelecendo limites e criando acordos para resolver o que está acontecendo. Se você descobrir que sua namorada está tendo um caso, decida se vai ou não continuar no relacionamento.

O ciúme, como muitos problemas psicológicos (da hipocondria à paranoia), é impulsionado pelo uso destrutivo da imaginação.

Então, pare de dar tanto valor para ela. Como assim? Bom, vamos pensar no seguinte cenário:

  • Sua namorada demora para chegar em casa do happy hour;
  • Você começa a imaginar que ela está flertando com outro cara, dando risada com aquele colega do escritório ou com aquele malhado da academia;
  • Você fica com raiva, chateado, assustado – sem ter qualquer evidência de que o que você imaginou é real;
  • Ela chega em casa e você começa a agir de forma fria, passiva-agressiva e totalmente desproporcional, a afastando de você;
  • Ela realmente se afasta e começa a te enxergar como alguém que a sufoca, sendo que ela não fez absolutamente nada de errado;
  • Um relacionamento feliz e leve se torna um pesadelo e, no fim das contas, vocês se separam quando esse ciclo se repete constantemente.

Valeu a pena? Não.

Seja qual for a situação ou grau de ciúme, é importante buscar orientação profissional se o autocontrole não é possível de ser obtido. Reconhecer a falha pessoal, procurar entender as razões da insegurança e confiar em um tratamento que vai trabalhar questões de autoestima e confiança emocional são atitudes que podem, realmente, salvar um relacionamento amoroso.

Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »