Ter tatuagens pode ser, na verdade, vantagem no mercado de trabalho

Ter tatuagens podem ser, na verdade, vantagem no mercado de trabalho

Não é difícil ouvir alguém dizer: “se você fizer uma tatuagem, sua carreira estará arruinada”. Em algumas áreas isso é, de certo modo, verdade.

Muitas empresas conservadoras não contratam funcionários com muitas tatuagens visíveis. Porém, o cenário geral está mudando – pelo menos é isso que uma nova pesquisa norte-americana apontou.

Um estudo realizado por pesquisadores da Escola de Negócios da Universidade de Miami, nos EUA, e da Universidade da Austrália Ocidental, apontou que os salários entre tatuados e não-tatuados são similares e não foi encontrada nenhuma forma de discriminação contra pessoas com arte no corpo na hora de conseguir um emprego – exceto, por incrível que pareça, pelo fato de que quem tem uma tatuagem pode levar vantagem na hora de conseguir o emprego em questão.

Ficou chocado? Nós também.

O estudo analisou mais de 2.000 pessoas nos Estados Unidos (cerca de metade destes moradores de grandes cidades).

“Em nossa amostra, e considerando uma variedade de técnicas de estimativa alternativas, não apenas os salários e ganhos anuais de empregados tatuados nos Estados Unidos são estatisticamente indiscerníveis daqueles de pessoas sem tatuagens, quanto indivíduos tatuados são também tão propensos, e em alguns casos até mesmo mais propensos, a conseguir um emprego”, concluem os pesquisadores no resumo do artigo.

Ter tatuagens podem ser, na verdade, vantagem no mercado de trabalho

Em primeiro lugar, o estudo descobriu que as tatuagens continuam populares, e mais ainda para as mulheres do que para os homens; 23% dos homens disseram que tinham pelo menos uma tatuagem, enquanto quase 37% das mulheres afirmaram o mesmo.

Em segundo lugar, e mais importante, os pesquisadores descobriram que ter uma tatuagem não parece estar ligado de alguma forma à discriminação no emprego ou salários mais baixos – e não importa “se alguém tem uma tatuagem, várias tatuagens, se as tatuagens são visíveis, e se elas são ‘visualmente ofensivas'”, escreveram os pesquisadores.

Aliás, as pessoas com tatuagens trabalham mais alguns dias e horas por ano do que as pessoas que não têm tattoos, de acordo com o estudo.

Essas vantagens podem ser parcialmente explicadas, segundo os pesquisadores, pelo fato de que “as tatuagens são muito mais comuns em empregos mais modernos, como comunicação e marketing, do que nas profissões mais antigas”. Mas, apesar disso, ainda é uma visão muito específica.

Outros estudos na área já mostraram que ter tatuagem era uma vantagem em determinados segmentos.

Um estudo divulgado pela Universidade de St Andrews, por exemplo, já apontava a vantagem competitiva dos tatuados para profissões mais modernas.

Segundo a pesquisa, pessoas com tatuagens em áreas bem expostas como o rosto, por exemplo, eram mais propensas a conseguir emprego como bartenders em uma casa noturna – embora, é claro, pudessem sofrer discriminação ao aplicar para um trabalho como garçons em um restaurante.

De qualquer forma, você já tem um novo argumento para fazer mais uma tattoo.

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Homem também tem que ter estilo
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »