Tempo Excessivo no computador pode causar disfunção erétil, Alerta Estudo

Homens que passam mais de 4 horas por dia fora do trabalho em frente ao computador podem ter um risco 10 vezes maior de desenvolver disfunção erétil, de acordo com um novo estudo.

Computador e Impotência: Cada Hora a Mais Aumenta o Risco | Envato Elements

A disfunção erétil, também conhecida como impotência, é um problema comum que afeta milhões de homens em todo o mundo, podendo impactar significativamente sua qualidade de vida. Um estudo recente descobriu uma ligação entre o tempo excessivo no computador e o aumento do risco de disfunção erétil.

Analisando dados de mais de 200.000 homens, o ¹estudo revelou que cada hora adicional em frente ao computador durante o tempo livre estava associada a um aumento de 10% no risco de desenvolver impotência. Esse risco parece estar relacionado ao sedentarismo digital, um estilo de vida sedentário associado ao uso excessivo de dispositivos digitais.

Saiba mais sobre os riscos da disfunção erétil e como proteger sua saúde sexual lendo o artigo completo!

O Risco Crescente de Disfunção Erétil

O Risco Crescente de Disfunção Erétil | Envato Elements

Urologistas do Hospital Naval Medical University em Xangai, China, conduziram um estudo revolucionário que traz à tona uma preocupação crescente: o tempo passado em frente ao computador fora do trabalho pode estar ligado diretamente ao aumento do risco de disfunção erétil em homens.

Esta descoberta, publicada na prestigiada revista científica ¹Andrology, é uma chamada de atenção para repensarmos nosso estilo de vida digital e seus impactos na saúde masculina.

Sedentarismo Digital e Impotência

Sedentarismo Digital e Impotência | Envato Elements

Os resultados deste estudo ressaltam a necessidade de conscientização sobre os efeitos negativos do sedentarismo digital na saúde masculina. Embora seja necessário realizar mais pesquisas para estabelecer uma relação definitiva de causa e efeito, fica claro que a atividade física moderada pode desempenhar um papel crucial na prevenção da disfunção erétil.

Um estudo recente revelou que cada hora adicional passada em frente ao computador durante o tempo livre pode aumentar o risco de disfunção erétil em homens.

Enquanto o sedentarismo digital foi associado a um aumento significativo no risco de impotência, outras atividades sedentárias, como assistir televisão ou dirigir, não demonstraram o mesmo efeito.

A Importância da Atividade Física na Saúde Sexual Masculina

A Importância da Atividade Física na Saúde Sexual Masculina | Envato Elements

Saiba Por Que Manter-se Ativo Pode Ser Crucial para Prevenir Problemas de Ereção e Manter uma Vida Sexual Saudável

À medida que avançamos neste século digital, é essencial considerar não apenas os benefícios da tecnologia, mas também seus possíveis impactos adversos na saúde. Este estudo serve como um lembrete oportuno de que equilibrar o tempo gasto em frente ao computador com atividades físicas pode ser fundamental para proteger a saúde sexual dos homens.

Dados Preocupantes no Brasil e no Mundo

Dados Preocupantes no Brasil e no Mundo | Envato Elements

Dados alarmantes

  • Globalmente: estima-se que 50% dos homens com mais de 40 anos apresentem algum grau de disfunção erétil.
  • Brasil: a ² Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) estima que 15 milhões de homens brasileiros sejam afetados pela disfunção erétil.
    ³ Pesquisa mostra que dos homens que são atendidos pelo SUS, 58% não vão ao urologista.
  • Fatores de risco:
    • Sedentarismo: inclusive o tempo excessivo em frente ao computador.
    • Doenças crônicas: como diabetes, hipertensão e doenças cardíacas.
    • Tabagismo.
    • Alcoolismo.
    • Estresse.
    • Depressão.

Impacto na saúde mental

  • A disfunção erétil pode ter um impacto significativo na saúde mental dos homens, levando à:
    • Baixa autoestima.
    • Ansiedade.
    • Depressão.
    • Dificuldades de relacionamento.

Tratamentos

  • Existem diversos tratamentos disponíveis para a disfunção erétil, incluindo:
    • Medicamentos.
    • Terapia.
    • Cirurgia.

Prevenção

Se você está sentindo que não está bem ou tem duvidas mais especificas, procure um acompanhamento personalizado, consulte um urologista que o atendimento no SUS é gratuito, pois é oferecido pelo sistema público de saúde do Brasil.

Fontes
¹ Artigo original na revista Andrology
² Site da Sociedade Brasileira de Urologia
³ Dados de 2019 – 58% dos homens atendidos pelo SUS não vão ao urologista
Cartilha sobre Disfunção Erétil

Compartilhe
Weslley Alves
Weslley Alves

Full Stack Developer, empreendedor e eterno estudante de programação, tecnologia e empreendedorismo. Sócio da Ynvolve, razão social do Manual do Homem Moderno, principal hub de conteúdo para o público masculino no Brasil.

Comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso