8 tipos de pessoas para você deixar de seguir no Facebook

Créditos: Reprodução

 

Ao longo dos últimos anos, iniciamos amizades virtuais com antigos colegas de escola, familiares distantes, parentes de amigos, breves conhecidos de festas passadas, antigos professores e, é claro, com muita gente que sequer lembramos quem são.

Os algoritmos do Facebook trabalham de uma forma interessante para nos manter atualizado apenas sobre as publicações das pessoas com quem mais interagimos mas, muitas vezes, isso falha e, é claro, a gente acaba vendo coisas bem indesejáveis na nossa linha do tempo.

Uma democracia funciona quando vemos opiniões diferentes das nossas e conversamos com outras pessoas com pensamentos e conceitos variados, é claro. Mas existe uma grande diferença entre ter opiniões diferentes sobre determinados assuntos e ser um babaca.

Por isso, listamos alguns tipos de pessoas que apenas poluem a sua linha do tempo e não acrescentam nada de vantajoso para a sua vida.

Então, não tenha medo de cancelar a amizade – ou simplesmente bloquear as publicações se, por acaso, o chato for alguém muito próximo – com:

O Pregador

Créditos: Reprodução

 

Cada um tem o direito de ter a sua religião e sua crença, mas ninguém tem o direito de pregar, 24 horas por dia, princípios de sua doutrina sobre pessoas que têm outra fé ou religião. O típico “pregador” é quem insiste em julgar terceiros publicamente, apontar o dedo para comportamentos da sociedade como se ele, o pregador, fosse Deus na terra.

Esse tipo de pessoa não respeita a pluralidade de crenças, a diversidade religiosa, sexual ou comportamental, ele só quer dizer para o mundo como todos estão errados e ele, a voz da razão, está certo.

Não tenha medo de deixar de seguir um cara desses no Facebook. Você não é obrigado a conviver com a intolerância.

O extremista político

Créditos: Reprodução

 

Cada um tem o seu ponto de vista e defende seus ideais sobre a sociedade. Muitas vezes, nós compartilhamos a nossa opinião sobre determinado assunto e, nesse momento, acabamos transparecendo nossa ideologia política, mas existe aquele tipo de pessoa que só faz isso. O tempo inteiro. Todo o tempo. Sem parar.

Uma pessoa que compartilha o dia inteiro textos e textos intolerantes sobre a sua perspectiva política e não aceita que qualquer pessoa pense diferente dele: seja esquerdista ou direitista, conservador ou liberal, o extremista é extremamente desagradável e tóxico em qualquer rede social ou encontro presencial.

Deixar de seguir um cara desses é um favor que você faz para a sua mente e bem estar físico.

O excessivamente apaixonado

Créditos: Reprodução

 

Estar apaixonado é maravilhoso. Viver um grande amor é um presente dos deuses, mas o mundo realmente precisa acompanhar cada segundo do relacionamento de alguém? Da mesma forma que você fica desconfortável ao sair com aquele casal de amigos que não para de se beijar um segundo e nem de falar sobre eles mesmos, é extremamente desagradável acompanhar alguém assim no Facebook.

Aquela pessoa que posta foto com a namorada ou namorado o tempo inteiro, que faz declarações públicas de amor diariamente e que, de forma extremamente indelicada, compartilha detalhes sobre a vida dos dois e insiste em mostrar para o mundo como está feliz no relacionamento é o tipo de pessoa ideal para você deixar de seguir no Facebook.

O fanfarrão festeiro e conquistador

Créditos: Reprodução

 

Sabe aquele cara que sempre está nas melhores festas, vivendo viagens incríveis e fazendo questão de postar cada momento de felicidade em algum lugar diferente do planeta na linha do tempo? Bem, não tem nada errado nisso se a pessoa tiver parâmetros e limites, afinal, todos querem compartilhar momentos felizes. Mas fazer isso o tempo todo já é demais!

É legal queimar 600 calorias na academia, mas o mundo precisa saber toda vez que você atinge a meta na esteira? Se você tem um cara desses no seu Facebook, saiba que pesquisas já apontaram que a auto-promoção em excesso – disfarçada de modéstia – através das redes sociais não engana ninguém. Então, não tenha medo de deixar de seguir esse gabador no Facebook.

O cara com a vida boa

Créditos: Reprodução

 

Deixar de seguir este tipo de pessoa vai ser vantajoso se você for sensível ou esteja se sentindo mal por não estar conquistando algo que gostaria enquanto a outra pessoa – no caso, o cara com a boa vida – está.

Ele não tem culpa de nada, só está compartilhando o dia a dia dele, mas você, infelizmente, não está bem com algum ponto da sua carreira ou objetivos pessoais e se sente mal com as publicações dele. Então, não tenha medo de deixar de seguir essa pessoa.

Um estudo realizado em 2015 apontou que o Facebook realmente pode intensificar sentimentos depressivos por causa de comparações sociais, então, faça um bem para você mesmo e deixe de seguir as publicações desse cara até você se sentir mais seguro.

Aquele que enxerga o copo meio-vazio

Créditos: Reprodução

 

Ninguém tem uma vida perfeita e todo mundo passa por momentos difíceis e complicados, mas sempre existe aquela pessoa que só posta pensamentos negativos no Facebook e compartilha a pior visão sobre tudo o que acontece.

Mas, mesmo assim, existe uma diferença entre compartilhar e poluir a rede social com esse tipo de pensamento. Pesquisas divulgadas pelo Huffingtonpost apontam que o estresse é uma emoção contagiosa. Ou seja, quanto mais energia “negativa” você corta para fora da sua vida, mais feliz você fica. Então, deixe de seguir o pessimista e siga a sua vida!

Aquela pessoa que quer atenção

Créditos: Reprodução

 

Existem muitas pessoas carentes de atenção por aí, seja online ou offline. Provavelmente você já viu na sua linha do tempo a seguinte publicação: “Hoje foi, provavelmente, o pior dia da minha vida. Mas eu não quero falar sobre isso”.

Não é irritante ler algo assim? Bom, se você considera isso um saco, saiba que não está sozinho. Publicações como essa, na verdade, fazem com que as pessoas fiquem mais irritadas do que curiosas e, por isso, se você segue alguém assim, é hora de deixar de seguir.

Qualquer um que te faça se sentir mal consigo mesmo

Créditos: Reprodução

 

Se existe alguém que frequentemente critica suas publicações, aponta erros na sua vida ou te faz sentir mal por qualquer motivo possível, é hora de deixar de seguir essa pessoa também.

Veja bem: há quem critique suas publicações de forma interessante e enriquecedora, mas você sabe dizer quando alguém está apontando outro ponto de vista ou quando a pessoa simplesmente quer te fazer se sentir mal. Você não precisa aturar esse tipo de coisa! A tela de um computador proporciona um sentimento de impunidade e distância perigosos, isso faz com que muitas pessoas se sintam livres para traçar comentários cruéis e ofensivos, então, corte o mal pela raiz.

A vida e o nosso tempo livre são curtos demais para perdermos tempo com atitudes que não vão nos agregar nada.

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »