5 filmes de máfia para você que é fã de O Poderoso Chefão

Reprodução/ArtSetters
A adaptação do best-seller de Mario Puzo, O Poderoso Chefão, estreou nos cinemas em 1972. A direção, nas mãos do Francis Ford Coppola, é uma referência na indústria cinematográfica até hoje. Inovadora e responsável por várias mudanças em Hollywood, a direção de Coppola é sensível e consistente.

Por não gostar de expor a violência em cenas gráficas, o diretor conseguiu contar uma história extremamente violenta de forma poética através de figuras de linguagem e soluções metafóricas. O Poderoso Chefão mostrou para o mercado hollywoodiano um novo subgênero, capaz de atrair o público e agradar a crítica.

Os Estados Unidos viviam um período de declínio dos “anos dourados”, encaravam o pós-guerra e suas consequências políticas, enviavam soldados para o fracasso patriótico na guerra do Vietnã e lidavam com a crise do petróleo causada pelos conflitos no oriente médio.

Nesse cenário, Hollywood abraçou os filmes de máfia e até hoje essas produções rendem frutos interessantíssimos para o cinema.

A seguir, listamos outros filmes com propostas semelhantes e críticas variadas sobre a sociedade que certamente vão te entreter, divertir e ensinar bastante sobre o cinema e tudo o que ele tem para oferecer!

Os Infiltrados (2006)

Reprodução/thelistlove.com
O cinema asiático costuma apresentar produções ousadas e perturbadoras. Normalmente, elas são ignoradas pelo grande público até quando Hollywood resolve gravar a sua própria versão. Os Infiltrados, porém, é um exemplo raro de qualidade na adaptação de um filme asiático para o público ocidental.

Dirigido por Martin Scorsese, o longa é uma versão do chinês Conflitos Internos e conta a história de Billy Costigan (Leonardo Dicaprio), um policial infiltrado na máfia irlandesa que controla órgãos influentes em Boston. Em paralelo, Frank Costello (Jack Nicholson), o chefe dessa organização criminosa, infiltra um membro da máfia, Colin Sulivan (Matt Damon), na polícia.

Depois de Goodfellas (1990), e Cassino (1995), Os Infiltrados marcou o retorno de Scorsese ao submundo do crime e apresenta ao público um filme impactante, inteligente, tenso e capaz de tirar o fôlego de qualquer um.

Por fim, outro destaque é a trilha sonora: I’m Shipping Up To Boston, do Dropkick Murphys, é uma canção excelente e traduz completamente a essência do longa.

Scarface (1983)

Reprodução/theplace2
Marlon Brando certamente apadrinhou Al Pacino com O Poderoso Chefão, pois em Scarface a qualidade de sua atuação excede todos os limites quando dá vida para Tony Montana.

Na década de 80, imigrantes cubanos partem para a Flórida quando Fidel Castro proporciona uma leve abertura de fronteiras com o objetivo de escoar os presos das cadeias cubanas. Entre eles, Tony Montana chega aos Estados Unidos com o objetivo de controlar o tráfico de drogas.

Elegante e sujo, o clássico do diretor Brian de Palma é um retrato da Miami dos anos 80 e pode, inclusive, ter servido de inspiração para várias cenas do seriado Narcos, da Netflix.

É impossível falar de Scarface sem ressaltar a atuação de Michele Pfeiffer em sua melhor fase e monólogos absurdamente cruéis, como esta declaração do Tony Montana:

“Bando de merdas, parasitas… E sabem por quê? Porque não tem coragem de estarem onde querem estar, precisam de gente como eu. Precisam de gente como eu para apontar e dizer ‘Aquele é o cara mau’, e então isso faz de vocês bons? Não são bons, só sabem se esconder e mentir. Eu? Eu não tenho esse tipo de problema. Eu falo a verdade, até quando eu minto, então dêem boa noite ao cara mau”.

Snatch: Porcos e Diamantes (2000)

Reprodução/sky.com
Ácido, violento e repleto de humor na mesma linha dos outros filmes de Guy Ritchie, o seu Snatch parece uma viagem alucinógena e, diferente dos filmes anteriores dessa lista, não é nada elegante, mas acredite: vai te render boas risadas.

Intercalando a história dos personagens, a narrativa do longa é frenética, mas flui de forma orgânica. Benicio Del Toro dá vida para Frankie Quatro-Dedos, um ladrão de diamantes, enquanto Brad Pitt vive Mickey O’Neil, um pugilista cigano bem, bem maluco.

Caso você goste de Snatch, precisa assistir o sucesso anterior do diretor: Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes. O final dos anos 1990 e o início dos anos 2000 certamente foi a época de ouro para Guy Richie!

Senhores do Crime (2007)

Reprodução/amazonaws.com
David Cronenberg, diretor de A Mosca e Videodrome, pode ter perdido a linha de uns tempos para cá, mas Senhores do Crime ainda é um excelente filme sobre a máfia russa, pouco explorado e discutido já que sua qualidade foi ofuscada por outras obras do mesmo período.

O longa narra a história de Anna, interpretada por Naomi Watts, que trabalha em um hospital londrino quando testemunha a morte de uma jovem durante o parto. Quando Anna investiga a vida da moça para poder comunicar sua família sobre sua morte, ela se vê envolvida com o mercado do tráfico sexual e, nesse universo, conhece Nikolai. Nesse papel, Viggo Mortensen apresenta uma atuação assustadora e uma visão perturbadora sobre seu personagem.

A ideia da máfia se portar como família, e a importância dos familiares nesse cenário é relatada de forma visceral e envolvente.

Os Intocáveis (1987)

Reprodução/papodecinema.com
Quatro anos depois de Scarface, Brian de Palma assinou o filme que lançou Kevin Costner e levantou, na época, uma grande discussão sobre legalização de entorpecentes e o poder do crime organizado. No longa, a história de Al Capone foi contada com maestria e a qualidade do roteiro é impressionante.

Durante a Lei Seca, a máfia de Al Capone dominou os Estados Unidos com o tráfico de bebida alcoólica. O ator escolhido para viver o criminoso foi Robert De Niro e, com a direção inquieta de Brian De Palma, sua atuação manipula nossas emoções e pensamentos.

Sean Connery também está no elenco, assim como Andy Garcia, e o trabalho do diretor remete bastante aos clássicos do Hitchcock. Destaque para a cena da ópera e os closes envolventes.

Reprodução/mancunion.com

É claro, incluir todos os filmes de máfia seria impossível e acabamos deixando alguns clássicos de fora. Porém, também é impossível não indicar Goodfellas (1990), de Martin Scorsese, assim como seu outro grande filme, Cassino. (1995).

Na mesma lista desse subgênero, Os Suspeitos (1995), de Brian Singer, carrega um roteiro maravilhoso e uma atuação sublime de Kevin Spacey – ator que, 4 anos depois, consagrou seu lugar em Hollywood no papel do serial killer de Seven.

Donnie Brasco (1997), com Al Pacino e Johnny Depp, também é um bom filme de gângster envolvendo policiais infiltrados e apadrinhamento. O mais interessante neste filme é ver como as emoções do policial, interpretado pelo Johnny Depp, vão mudando ao longo da trama.

Dessa lista, qual o seu filme favorito? Esquecemos de mencionar algum que foi marcante para você?

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »