Bateu a ansiedade forte? Conheça a técnica A.C.A.L.M.E.-S.E para aliviar os sintomas

técnica A.C.A.L.M.E.-S.E para aliviar os sintomas

Muitas pessoas já passaram por aquela sensação de ansiedade intensa, onde falta ar, aumentam os batimentos cardíacos e até vem o ataque de pânico. Para estas situações de crise é recomendado usar a técnica A.C.A.L.M.E.-S.E .

Ela foi criada pelo psicólogo e pesquisador Bernard Rangé, e é indicada no momento em que surgirem vários sintomas físicos ao mesmo tempo e com forte intensidade. Confira os principais indícios:

  • Taquicardia (batimento cardíaco acelerado);
  • Respiração ofegante ou entrecortada (sensação de falta de ar);
  • Sudorese (aumento da transpiração não relacionada ao calor ou exercícios físicos);
  • Tremores;
  • Boca seca;
  • Mãos e pés frios;
  • Musculatura contraída e náuseas.

Dessa maneira, os sintomas duram de 20 a 40 minutos e podem surgir inclusive durante o sono, não tendo causa física.

Caso você tenha alguma crise de ansiedade neste período tão delicado, utilize a técnica A.C.A.L.M.E.-S.E :

Técnica A.C.A.L.M.E.-S.E

relaxamento

Aceite as sensações geradas pela ansiedade

Você pode não enxergar no momento e, apesar de parecer estranho, aceite este desconforto como algo inesperado e desconhecido, mas que passará. Não tente lutar contra os sintomas, pois isso só faz com que eles se prolonguem e aumentem ainda mais o seu desconforto. Deixe que os sintomas fluam até diminuírem.

Contemple o ambiente ao seu redor

Foque sua atenção para o momento presente, ao seu redor. Como um observador, descreva objetos, pessoas, foque ambiente externo e deixe que seu corpo lide com a ansiedade, sem julgamentos.

Aja apesar da ansiedade

Mesmo que seja difícil, continue o que estava fazendo antes dela surgir; se for preciso, desacelere, mas siga em frente. Não tente fugir, isso pode levar à redução da ansiedade, mas também ao aumento do medo.

Libere o ar dos pulmões

Concentre em respirar bem devagar. Inspire pelo nariz contando mentalmente até três, leve o ar ao abdômen, segure o ar por mais três segundos e solte o ar lentamente pela boca contando até seis. Siga esse processo até encontrar o ritmo ideal para sua respiração.

Temos outras técnicas de respiração que podem te ajudar. Clique aqui!

Mantenha o roteiro anterior

Volte a todos os itens anteriores até que eles estejam funcionando realmente(aceitar, contemplar, agir e respirar). Dessa maneira, faça até sentir que a ansiedade atinja um nível mais confortável para você.

Examine seus pensamentos

É comum pensamentos bem negativos, catastróficos aparecerem. Dessa forma, observe seu diálogo interno e verifique racionalmente se seus pensamentos são possíveis de acontecer ou não.

Aliás, é preciso relembrar  que uma crise de ansiedade é muito desagradável, mas ela passa e não vai colocar sua vida em risco.

Sorria, você conseguiu passar pela crise

Se você chegou a este ponto seguindo os passos, é um sinal de que está conseguindo lidar com a ansiedade com seus próprios recursos. Agora você sabe o caminho e poderá retornar a essa sequência quando necessário. Comemore!

Espere o futuro com aceitação

Neste momento, deixe de lado a ideia de viver livre da ansiedade, ela faz parte de todas as pessoas, e é fundamental  a nossa sobrevivência. Por isso, aprenda a conviver com ela e a utilizar os recursos necessários quando a crise estiver mais intensa.

Enfim, caso os sintomas persistam ou os ataques sejam frequente, a recomendação é procurar ajuda médica, online ou presencial em algum posto de saúde.

Fonte: Unimed

Dicas para melhorar a saúde mental

Dicas para melhorar a saúde mental
Dicas para melhorar a saúde mental
Dicas para melhorar a saúde mental
Dicas para melhorar a saúde mental

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Homem também tem que ter estilo
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »