Inscreva-se no Canal

4 Motivos para assistir e 5 razões para esquecer Batman Vs Superman – A Origem da Justiça

Foi com um misto de ansiedade e expectativa que fui assistir a cabine do filme Batman vs Superman – A Origem da Justiça. O longa, dirigido por Zack Snyder tinha como grande atrativo ter o embate dos dois grandes super-heróis da infância de muitas pessoas: Batman e Superman.

Além disso, a trama apresentava a Mulher Maravilha; tinha o vilão que matou o Superman nos quadrinhos e era o embrião da A Origem da Justiça. Ou seja, tinha tudo para dar certo. Teve pontos positivos e muitos outros negativos. Fizemos um vídeo especial da nossa opinião sobre o filme, dá uma conferida no link.

Confira abaixo os motivos para ver e as razões para esquecer Batman Vs Superman – A Origem da Justiça.

Motivos para assistir

Ben Affleck como Batman

Reprodução

“Há momentos que fazem o filme valer a pena, e introduz um novo e intrigante Batman. Mas também é confuso e narrativamente instável” (Nick de Semlyen, da Empire).

Muitos pensaram (incluindo eu) que o grande problema deste filme estaria em colocar o ator Ben Affleck como o homem morcego. Erramos feio. A atuação de Ben é tão boa e não compromete o roteiro esquizofrênico, trazendo um Batman muito mais próximo do que ele é nos quadrinhos, um detetive investigador e cheio de truques e artimanhas.

Vale ir ao cinema para desgarrar o pensamento do super-herói protagonista do filme de Nolan, em Cavaleiro das Trevas.

Mulher Maravilha

Reprodução

Uma das belas e interessantes coisas do filme está na aparição da heroína Mulher Maravilha, interpretada por Gal Gadot. No melhor estilo ‘girl power’, ela faz boas aparições no filme, dá o tom que o personagem precisa, mostrando poder e força, e ainda tem um papel importante no final.

O roteiro não se preocupa em explicar quem é, de onde vem, e qual a sua motivação, você vai sair da sessão querendo assistir mais coisas dela. Talvez venha daí a necessidade de um filme só sobre a Mulher Maravilha.

A origem da Liga da Justiça

Reprodução

Apesar de que tenha aparecido somente como um teaser no meio da história, o filme vale por apresentar Aquaman, Flash e o Ciborgue. E você percebe, durante o desenrolar do roteiro da necessidade de se criar a Liga da Justiça. Vale conferir como isso será construído nos filmes posteriores.

A injusta comparação entre DC e Marvel

Reprodução

O longa do Zack Snyder e da Warner mostra o distanciamento que os super-heróis da DC querem ter da Marvel, em uma pegada muito mais séria e menos galhofa do que a da concorrente.

É válido termos narrativas e propostas diferentes, como a necessidade da DC de criar arcos de dramaticidade maior e mais sólidos que a Marvel. Agora é esperar para acompanhar as outras produções para ver se este tom de seriedade não vai beirar a arrogância e prepotência.

Razões para esquecer

Spoilers oficiais (com spoilers)

Reprodução

Eu tenho por hábito assistir a menos trailers possíveis para não ser agraciado com desastrosos spoilers. Mas soube, para quem acompanhou todos os vídeos de apresentação de Batman Vs. Superman, que eles tiveram uma grande frustração ao perceber que poucas surpresas foram guardadas para as 2h33 min de sessão.

O segundo trailer oficial do filme, divulgado em dezembro de 2015, revelou quase todos os arcos da história: Batman, após presenciar a destruição de Metrópolis causada no duelo entre Super-Homem e Zod em “O Homem de Aço” (2013), decide acertar as contas com o super-herói.

Enquanto Bruce tenta resolver o problema com as próprias mãos, Lex Lutor decide transformar o cadáver de Zod em Apocalipse, o monstro que nos quadrinhos foi responsável pela “morte” do Super-Homem na década de 1990. A Mulher-Maravilha dá o ar da graça, iniciando os planos da Warner de fazer um filme da Liga da Justiça.

Ou seja, quem viu o trailer de menos de três minutos, há poucos meses da estreia, soube de tudo isso acima e teve poucas surpresas com o enredo, que mais parecia uma versão estendida do vídeo de divulgação.

Lex Luthor: um misto de Mark Zuckerberb e Coringa?

Reprodução

Diferente dos protagonistas, o personagem entrou na história sem qualquer explição, já como um gênio maluco e com uma necessidade de acabar com tudo sem qualquer motivo lógico. Seu pensamento e fala acelerado lembraram muito a atuação de Jesse Eisenberg em Rede Social. Além disso, é inegável que a personalidade do antagonista lembrou (para não dizer que foi copiado descaradamente) de outro vilão histórico do Batman: o Coringa do Cavaleiro das Trevas, com Heath Ledger.

Um Superman sem empatia

Reprodução

Já em O Homem de Aço, a construção do Superman foi sofrível e cheio de problemas. Restartando o personagem e esquecendo qualquer história anterior do cinema, o filme é longo e chato. A criação do ‘Deus’ que mata sem pestanejar só para atingir seus objetivos contraria aquela visão romântica que tínhamos do super-herói que se doava aos outros e que tinha que fazer escolhas e ter perdas por um bem maior.

Apesar de Batman Vs Superman ele não agir como um implacável assassino, coloca os desejos pessoais acima do bem comum. Além disso, o público não consegue ter empatia pelo Superman ao ponto que, quando ele duela com o Batman, você até torce para o morcego como se o primeiro fosse um antagonista.

Uma luta tem justificativa plausível

Reprodução

O grande mote do filme é, sem sombra de dúvidas, a grande disputa entre Batman e Superman. O problema é que o roteiro do embate é bem ruim e não consegue justificar de maneira plausível o confronto entre os personagens. O Batman velho e experiente, com mais de 20 anos na luta contra o crime, fica totalmente cego às boas ações do Superman, e busca somente a vingança para combater o kryptoniano (incluindo praticar atos que ele mesmo condena do Superman, como matar pessoas)

Já a motivação do Homem de Aço para lutar contra o Homem-Morcego é absurdamente ridícula, infantil e muito aquém do que esperaríamos de um salvador da humanidade.

Avaliação negativa da Crítica

Reprodução

Particularmente, achei a trama muito fraca e que não faz juz aos super-heróis que tem. O longa tinha todos os elementos para ser uma obra incrível, e em alguns momentos até demonstra essa possibilidade, porém, o filme nunca alcança seu potencial, e o resultado é frustrante em todos os aspectos.

Antes que me chamam de Marvete ou ‘putas pagas’ da concorrente Marvel, vou citar que no Rotten Tomatoes, site norte-americano de avaliações de filmes e séries, o longa ganhou 31% de nota (de 100%). Para critério de comparação, o longa Mad Max chegou a 97%.

E para dizer que não estou isolado no pensamento, seguem algumas avaliações feitas pela crítica mundial.

  • “E o que dizer da prometida briga do título? O enfrentamento entre as duas lendas dos quadrinhos se torna apenas outra série de coisas grandes batendo em outras coisas grandes, o que o diretor Zaxk Snyder e escritores Chris Terrio e David S. Goyer se confundem achando que isso é contar uma história” (Alonso Duralde, do The Wrap).
  • “Batman vs Superman vai agradar àqueles estavam esperando para ver os protagonistas se enfrentarem nas telonas, ou aqueles estavam apenas ansiando pela Mulher-Maravilha” (Brian Truitt, do USA Today).
  • “Em Batman vs Superman, o Cavaleiro das Trevas e o Homem de Aço se enfrentam, e quem perde é o público” (Rene Rodriguez, do Miami Herald).
  • “Se há alguma justiça nas salas de cinema, o público irá rejeitar esta bagunça embaraçosa de Zack Snyder” (Joshua Rothkopf , da Time Out).
  • “Nenhum grande blockbuster dos últimos anos teve uma estrutura tão incoerente ou demonstrou tamanho desinteresse em contar uma história com clareza e propósito” (Robbie Collin, do The Telegraph).

Compartilhe


Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »