15 Filmes com sexo explícito no cinema

Reprodução

Apesar do preconceito, o sexo sempre foi retratado no cinema. Algumas vezes mais velados, outros muito fora da realidade. Mas, também existem diretores que apostam na verdade nua e crua para retratar o sexo explícito.

+ 13 Filmes sobre sexo melhores que 50 Tons de Cinza
+ Melhores cenas de sexo no cinema

Por isso, reunimos as mais ousadas obras do cinema convencional que poderia passar. Aposto com você que muitas delas dariam um filme pornográfico. Confira!

1# Império dos Sentidos (1976)

O texto continua abaixo, clique no botão para continuar a leitura

Baseado na história verídica de Sada Abe, uma mulher japonesa que (alerta de spoiler), eroticamente asfixiou o amante dela, em seguida, cortou seu pênis e manteve-o em sua bolsa, O Império dos Sentidos é um dos primeiros filmes não pornográficos e retratar explicitamente a transa. O sexo é real; já a remoção do pênis do amante, felizmente, não é.

2# A Real Young Girl (1976)

Reprodução

É um drama francês sobre o despertar sexual de uma menina de 14 anos de idade, escrito e dirigido por Catherine Breillat. Este filme é notável por sua descrição gráfica da sexualidade, que inclui Charlotte Alexandra explorando sua genitália. Isto levou a que fosse proibido em muitos países. Todas as cenas explícitas foram filmadas com atores de idade, mas ainda assim é inquietante.

3# Calígula (1979)

Reprodução

O filme mostra as perversões sexuais do louco imperador romano Calígula, que mantém um caso com sua própria irmã e é casado com uma prostituta, além de organizar várias orgias e perversões sexuais em seu império.

Ele também é cercado de vários falsos bajuladores que desejam vê-lo longe do poder. O filme é uma das produções mais polêmicas já lançadas, exatamente devido a suas cenas de sexo explícito.

4# Os Idiotas (1998)

Reprodução

Lars von Trier aparece algumas vezes na lista, e com razão. Em Os Idiotas, um grupo decide virar as costas para as regras e hipocrisias da sociedade e formam uma comunidade a parte, dedicada a explorar todos os aspectos da idiotice como valor de vida. Isso significa um monte de nudez e orgia ocasional. A maior parte desta são simulada, mas há, pelo menos, uma cena com sexo real no filme.

5# Romance X (1999)

Reprodução

O que acontece quando o desejo sexual reprimido não vem da mulher e sim do homem? Este é o tema desse filme francês, que conta a história de uma professora de uma escola primária que passa a ter problemas com o marido pelo fato de ele não ter interesse sexual com ela. O desprezo é tamanho que ela chega a fazer sexo oral nele, enquanto o mesmo fica impassível diante de uma tela de televisão.

6# Anatomy of Hell (2004)

Reprodução

Outro filme Catherine Breillat, outro não-pornográfico (mas com uma pegada bem pornô) que conta até com a participação da estrela do pornô italiano Rocco Siffredi. Anatomia do Inferno não é apenas explícito, também é incrivelmente chocante, com alguns recursos visuais exclusivamente perturbadores que revelam o lado mais obscuro da sexualidade.

7# 8MM 2 – Oito Milímetros 2 (2005)

Reprodução

Em meio a um sórdido cenário no submundo dos shows de strip-tease, clubes de nudismo e sexo ao vivo pela internet encontra-se um aspirante a político que pode vir a perder tudo. Secretamente fotografado durante um ménage com sua noiva, David está sendo chantageado.

A coisa mais estranha que cerca de 8 mm 2 é que ele não tem nada a ver com o filme 8 mm. Ele, no entanto, apresenta uma abundância de sexo sem simulação e cenas pornôs reais.

8# Shortbus (2006)

Reprodução

A trama tem um clube nova-iorquino como fio condutor, onde os frequentadores têm a liberdade para fazer o que bem entenderem. Entre os personagens, uma terapeuta sexual que nunca gozou, uma dominatrix solitária e um homem em depressão, trazem à tona suas manias, taras e problemas sexuais.

Curiosidade: nas cenas na sala de orgias, a equipe técnica do filme também ficou nua, para que os atores se sentissem mais à vontade.

9# Anticristo (2009)

Reprodução

Como não poderia ser diferente, o drama psicológico de Lars Von Trier é polêmico do começo ao fim, recheado de cenas realistas de sexo e violência. Considero a cena do prólogo como uma das melhores de sexo no cinema, com a imagem da transa acontecendo no chuveiro, em preto e branco e em slow motion. O filme ainda rendeu o prêmio de melhor atriz em Cannes a Charlotte Gainsbourg.

10# Azul é a Cor Mais Quente (2013)


Em 2013, o Festival de Cannes anunciou o filme como o principal ganhador de 2013. O longa polêmico narra o despertar sexual e a paixão lésbica de uma adolescente por uma jovem de cabelos azuis.

Adaptado livremente de uma HQ escrita por Julie Maroh, o filme tem fortes cenas lésbicas que, de acordo com a agência de notícias France Presse, foram os maiores momentos sexuais e apaixonados entre duas mulheres já vistos em Cannes.

11# Ninfomaníaca (2013)

Reprodução

O sexo como doença! Mulher ninfomaníaca conta todas suas experiências eróticas para homem que a salva de um espancamento. Como é um filme de Lars Von Trier, pode esperar um longa com muitas cenas de sexo explícito e nudez frontal.

12# Brown Bunny (2013)

Reprodução

Um piloto de motos é assombrado por memórias de sua ex-amante. O filme recebeu uma grande quantidade de atenção da mídia por causa do conteúdo sexual explícito e não simulados da cena final entre Vicent Gallo e atriz Chloë Sevigny. A atriz declarou, posteriormente, que a cena de sexo oral não foi simulada.

13# 9 Canções (2014)


O título refere-se às nove músicas tocadas por oito diferentes bandas de rock que complementam a história do filme, entre elas Franz Ferdinand, The Dandy Warhols, e Black Rebel Motorcycle Club. O foco vai para sobre as constantes aventuras sexuais entre Kieran O’Brien e Margo Stilley, com direito a sexo oral e ejaculação.

14# A gangue (2014)

Reprodução

Um grupo de gangster mudos aterrorizam uma comunidade nos anos 30? Não precisa mais de enredo para o filme francês que foi direto para DVD, basta falar que tem boas cenas de sexo e pegação, como você vê na imagem acima.

15# Love (2015)

Reprodução

O mais recente e polêmico filme foi do diretor Gaspar Noé (irreversível). Apresentado em Cannes, ele chocou o Festival por suas cenas de sexo explícito. “Love”. Filmado em 3D, foca o enredo romântico na transa, apresentando ejaculações em close, sexo oral, orgia em um clube de sexo, ménage, travestis…

 

Os comentários são listados abaixo, clique no botão para comentar ou ler outros comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Canal do MHM

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »