9 Dicas cruciais para começar uma coleção de Acton Figures

Dicas para começar uma coleção

Começar uma coleção pode parecer fácil mas, na real, é bem difícil. Quanta grana é preciso investir? Como eu sei se um boneco vai valer mais no futuro?

Essas são apenas algumas das centenas de perguntas sobre o tema que bagunçam a cabeça de quem quer começar a colecionar action figures agora.

É claro que cada colecionador tem um estilo, uma tradição, uma formalidade e desenvolve seu próprio jeito de colecionar, mas algumas dicas servem pra vários perfis e com certeza vão te ajudar na hora de começar a sua empreitada nesse mundo.

Uma das maiores dúvidas entre quem quer começar uma coleção é o preço. Renato Lopes, que passeava em um estande de colecionáveis na CCXP 2016: “O mais difícil pra começar uma coleção é não saber como dar o primeiro passo. Além disso, tudo parece muito caro! Você não sabe se você vai conseguir manter a coleção e continuar as compras”.

Pra tirar as dúvidas do Ricardo – e provavelmente as suas também – a gente conversou com alguns colecionadores que estavam passeando na CCXP 2016.

Todos foram unânimes em dizer que o mais importante é criar um tema para a sua coleção. É importante determinar uma linha temática para manter o controle e saber onde gastar a sua grana. Resumidamente, isso vai te ajudar a dominar o vício antes dele te dominar.

Dicas para começar uma coleção

Action Figures não são baratos, afinal, a maioria é fabricada fora do Brasil e os impostos de importação são pesados. Então, ter um foco vai te ajudar a completar a sua coleção com mais facilidade e também te fazer poupar dinheiro.

Outra dica em comum entre os colecionadores foi: tenha limite. Seja honesto consigo mesmo e com o seu bolso, estipule um valor mensal que você pode investir em colecionáveis e que não vá te fazer falta e nunca ultrapasse essa linha.

A verdade é que existe espaço pra todo tipo de colecionador e você não precisa escolher uma coleção cara para completar, pode optar por linhas mais baratas e realistas para o seu bolso.

Antes de começar as compras, também é importante pesquisar. E muito! Não compre em qualquer loja para não acabar pagando mais caro em um produto ou adquirindo uma peça falsa.

Rinaldo, da loja R&R colecionáveis, levou cerca de 30 anos para alcançar o nível da coleção que tem e diz que pra começar uma, você precisa ter em mente exatamente o que você quer: “A qualidade é importante, a procedência também é fundamental e você deve sempre optar por produtos que estão dentro da embalagem, mesmo quando o artigo for comprado de terceiros e não diretamente da loja e, depois de comprar, mantenha o boneco na embalagem se você quiser revendê-lo depois”.

Dicas para começar uma coleção

Ele reforça a importância de manter o produto intacto: “Eu paguei R$1,99 em alguns bonecos e hoje eles valem R$1.000”.

Na hora de comprar um produto, o preço alto não é tão importante quanto a qualidade do material e, além disso, é fundamental ter um olhar que veja além do presente: “Para ter mais chances de adquirir um produto que vai valer mais no futuro, olhe a originalidade da peça, estilo do boneco e tendência do mercado – moda. Tem que ter noção do que você está comprando”.

Matheus entrou para o mundo das coleções há dois anos mas já tem uma boa dica para compartilhar: “Para manter e aumentar a minha coleção eu não costumo fazer trocas mas, recentemente, eu troquei um jogo de videogame por um action figure do Wolverine”.

Então, se você não tem capital para começar uma coleção, pode dar o ponta pé inicial fazendo trocas. Além disso, Matheus também ressalta a importância de direcionar o foco e seguir um padrão para colecionar.

Por fim: participe de comunidades de colecionadores, existem várias espalhadas pela internet e você pode aprender bastante coisa com quem já é mais experiente no assunto, além de receber em primeira mão informações sobre novos lotes de produtos, promoções e eventos.

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Homem também tem que ter estilo
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »