25 Cervejas que você tem que tomar antes de morrer

Confira nossa seleção de brejas que você precisa experimentar

Cerveja é bom, é fácil e barata de consumir. Apesar disso, leva tempo, estudo e muita degustação para se tornar um especialista no assunto.

+ Conheça 25 cervejas especiais que você tem que tomar 
+ Vejas as brejas para tomar no verão
+ Conheça as cervejas alemãs que você tem que experimentar

Para te dar uma ajudinha, resolvemos montar uma lista de 25 Cervejas que você tem que tomar antes de morrer. Essa lista passa por rótulos premiados, cervejas tradicionais de algumas regiões do mundo e outras bem curiosas que merecem alguns goles.

Siga a lista e, se no final, se você não se tornou um expert, pelo menos terá tomado boas cervejas. Dessas ai, qual você já experimentou?

1. Quilmes Cristal (4,9%)

Quilmes
A Argentina levou medalha de ouro na categoria light tropical e latino-americana na Copa do Mundo da Cerveja 2012. Ela é uma pilsen bem encorpada e de boa qualidade, mais forte que as populares vendidas aqui no Brasil. No país de origem é, de longe, a mais vendida. A fábrica tem mais três estilos variantes (Bock, Stout e Red Lager)

2. Heineken (5%)

heineken
Sim, sabemos que você encontra no Brasil em qualquer esquina, mas essa breja holandesa não poderia deixar de fora da lista. Ela é a terceira maior cervejaria do mundo. Legítima puro malte,não tem conservantes e garante um agradável e característico amargor. Do mais, vale muito a pena visitar o museu Heineken Experience, em Amsterdã.

3. Budweiser (5%)

Budweiser
Outra popular por aqui que não poderia falta na lista, essa é, atualmente, a cerveja mais vendida no mundo. Conhecida popularmente como Bud, ela leva 30 dias para ser produzida, muito mais tempo que qualquer outra cerveja similar. São usadas lascas de beechwood (uma madeira especial) nos tanques de fermentação, uma propriedade exclusiva de Budweiser que resulta em uma bebida de sabor único e  marcante.

4. Amstel Pulse (4,7%)

Amstel
Leve e refrescante, a Amstel é uma das mais famosas cervejas holandesas. A cervejaria garante que o processo de fermentação acontece devagar para atingir o perfeito equilíbrio entre sabor e refrescância. A embalagem, de vidro transparente, foi premiada internacionalmente no renomado Festival de Cannes por apresentar design único e inovador.

5. Erdinger Weiss (5,3%)

erdinger
Bem conhecida no Brasil, essa é também uma das cervejas de trigo mais vendidas no mundo. É uma cerveja de trigo com levedura fina e tradicional maturação dentro da própria garrafa, similar aos champanhes. Uma boa opção para entrar nas cervejas de trigo.

6. Guinness (4,1%)

Guinness
Uma das mais famosas cervejas do mundo, Guinness é mais que uma cerveja, é um estilo de vida. Produzida na pequena Irlanda, essa stout é de alta fermentação e tem uma coloração escura. O malte tostado oferece um distinto sabor entre o amargor e a doçura. Essa cerveja separa os meninos dos homens. No começo você pode estranhar, mas com o tempo vai acostumando.

7. Paulaner Original (4,9%)

paulaner
A tradicional cerveja produzida em Munique é a alemã mais vendida no mundo. De baixa fermentação, tem uma cor dourada e o intenso aroma. Recomendada para consumir em dias quentes.

8. Pilsner Urquell (4,4%)

Pilsner Urquell
Essa só é a primeira cerveja pilsen no mundo. Produzida a 90km da capital Praga, a fábrica da Urquell é berço do estilo de cerveja mais consumido hoje no planeta. Em 1842, o cervejeiro Josef Groll criou uma fórmula de uma cerveja loira, límpida e suave, que rapidamente conquistou paladares pelo mundo.

9. Fuller’s London Pride (4,7%)

Fullers London Pride
A clássica cerveja tipo Ale Premium, ela é vencedora de diversos prêmios por sua cerveja de sabor único e refrescante. Possui uma base de malte diferenciada complementada por um rico balanço com sabores de lúpulos. É a marca mais consumida no Reino Unido.

10. Duvel (8,5%)

Duvel
Essa é uma famosa cerveja belga e mais consumida no planeta. Do estilo Belgian Golden Strong Ale, tem o amargor marcante e leve mistura de florais e lúpulo.

11. Leffe Brown (6,5%)

Leffe Brown
Medalha de ouro na categoria Dubbel, esta cerveja é produzida desde o século 13 pelos monges da Abadia Belga de Leffe. Seu sabor robusto apresenta uma combinação entre seu pronunciado aroma de caramelo torrado e um toque levemente adocicado no final. A tradicional receita é a mesma desde 1240. A marca Leffe é a cerveja tipo Abadia mais consumida no mundo.

12. Sapporo Premium (4,9%)

Sapporo
O Japão não poderia ficar de fora desta lista. A sugestão é a cerveja Sapporo, que leva o nome da cidade onde é produzida, é leve e refrescante, mas com um toque marcante, característico das cervejas premium. O mais legal é que ela pode ser vista em seu processo de fabricação no Museu e Jardim da Cerveja Sapporo, no Japão.

13. Baltika 8 (5%)

Baltika 8
A cerveja russa levou a medalha de prata na World Beer Cup de 2012. Ele é um dos rótulos da segunda maior cervejaria da Europa, que exporta para mais de 60 países. Este fermentado é feito de acordo com uma receita especial utilizando malte e trigo. Ela é caracterizada por uma densa espuma espessa aroma leve de frutas, como banana.

14. Paceña Pico de Oro (5,2%)

Pacena
Ouro no estilo Internacional Lager em 2012. De coloração amarelo-palha e aroma levemente maltado, é a cerveja mais consumida na Bolívia. A bebida tem um bom drinkability, é refrescante, e se assemelha aos rótulos pilsen consumidos aqui, porém com um gosto mais marcante. O fermentado ganhou fama por ser feito com água da Cordilheira dos Andes. Apesar de ser encontrada só por encomenda, já é uma boa desculpa para visitar o país vizinho.

15. Samuel Adams Utopias 2011 (27%)

samuel
Pegamos uma cerveja de respeito americana pra ninguém botar defeito. Essa breja ganhou ouro em 2012 na categoria Strong Beer, envelhecida em barris de madeira. O rótulo foi, por bom tempo, o de maior teor alcoólico do mundo para cerveja. A fabricação dela acontece a cada dois anos em lotes de apenas 8 mil unidades. Ela é feita de um blend envelhecido em barris de madeira por 18 anos, que aumenta as notas de baunilha e cacau da cerveja e gera um aroma de gengibre e canela. Ela é destinada a ser consumida em temperatura ambiente, em copo de conhaque.

16. Colorado Indica (7,5%)

Colorado Indica
Não poderíamos deixar de fora a cervejaria de Ribeirão Preto, que aposta em ingredientes brasileiros e produz cervejas artesanais premiadas em várias competições internacionais. A IPA em questão é de alta fermentação é elaborada artesanalmente com generosas quantidades de malte, lúpulo e rapadura.

17. Meantime London Pale Ale (4,3%)

Meantime London Pale Ale
Entrou na lista só pela reputação de ser uma das 50 melhores cervejas do mundo. Além do tradicional sabor amargo das ales, possui também um toque cítrico. Vale a pena provar.

18. Weihenstephaner Vitus (7,7%)

Weihenstephaner Vitus
A cerveja de trigo, dourada, com leve amargor e aroma de especiarias, já conquistou por diversas vezes o prêmio de melhor cerveja do mundo (World Beer Awards). O rótulo especial passa por um estágio mais longo de armazenagem a frio nos porões da cervejaria, para aprimorar o sabor.

19. Rochefort Trappistes 10 (11,3%)

Rochefort Trappistes 10
Famosa cerveja belga, trapista, produzida pela Abadia de Notre-Dame de St. Remy. Ela está na lista de Melhores Cervejas do Mundo em 2013, elaborada pela Rate Beer, um site de avaliação colaborativa de cervejas. Altamente encorpada e complexa, possui coloração acobreada escura e intensidade licorosa e caramelizada, ligeiramente picante e com notas frutadas de ameixa e cacau.

20. Wäls Pilsen (5%)

Wäls Pilsen
Com esse rótulo, a cervejaria de Belo Horizonte levou o ouro na categoria Pilsen e foi considerada a melhor da América do Sul em 2012, além de ganhar o prémio de cerveja do ano no 1º Concurso Brasileiro de Cervejas. Essa pilsen original tcheca de aparência dourada e com espuma aveludada é uma das poucas que conservam as características da receita original, com maior corpo e amargor.

21. Mikkeller 10 (6,9%)

Mikkeller-10-Lúpulos
Coloquei um rótulo da dinamarquesa na lista por ser uma cervejaria cigana sem fábrica fixa e com rótulos feitos em parcerias com outras cervejarias do Noruega, Bélgica, Reino Unido e Estados Unidos. A breja citada é uma IPA feita com 10 tipos de lúpulo. Não precisa nem dizer qual o ingrediente mais presente no seu paladar.

22. Eisenbahn Lust (11,5%)

Eisenbahn Lust
Essa foi a primeira cerveja brasileira produzida pelo método champenoise. Depois da fermentação e maturação normal dentro da cervejaria, o líquido é enviado para uma vinícola, onde fica por três meses e passa pelo processo de produção de champanhes. Possui aroma frutado, paladar refrescante e espuma cremosa.

23. Hofbrau Oktoberfestbier (5,7%)

Hofbrau Oktoberfestbier
Essa só esta aqui porque é a versão especial do Oktoberfest, o maior festival popular do mundo, realizado na metrópole da cerveja, Munique. Encorpada, 100% natural e de baixa fermentação, a Hofbräu Oktoberfestbier é tão especial quanto o próprio festival de cerveja. Afinal, foi a primeira cervejaria a produzir este tipo de cerveja comemorativa.

24. Perigosa (9,1%)

perigosa ipa
A Perigosa foi fabricada na eleita cervejaria do ano, pelo 1º concurso Brasileiro de Cervejas. Ela contém 100 IBU (International Biterness Unit), medida que mensura a quantidade de amargor presente uma cerveja. Apresenta aromas cítricos de grapefruit e limão siciliano além de um leve dulçor que remete a mel e caramelo.

25. Westvleteren 12 (10,2%)

Westvleteren 12

Para comprar essa, você precisa ir para a abadia Saint Sixtus of Westvleteren Westvleteren Trappist, na Belgica. Os clientes precisam concordar em não revendê-las para terceiros. Você quer saber se vale a pena ir atrás dessa quadrupel? Vale, tanto que ela alcançou a maior nota no Rate Beer, o site de avaliação colaborativa de cervejas.

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »