Camgirls e um novo jeito de vivenciar o conteúdo erótico na internet

Camgirl

Funciona mais ou menos assim. Você acessa o site CameraHot e descobre uma série de moças que estão disponíveis online para conversar com você. Mais do que isso, elas também podem fazer shows de strip-tease, danças e até umas coisinhas a mais, caso vocês cheguem a um acordo.

Tudo o que você precisa é pagar uma certa quantia de dinheiro no site, o que te garante créditos para uma espécie de carteira virtual em um ambiente seguro e confidencial. Cada minuto que você passa conversando com a gata, um valor vai sendo descontado de lá.

Do funcionamento desse tipo de site eu já até sabia bastante, mas sempre estive curioso para saber como é a vida das moças que estão por trás das câmeras.

Foi quando os manos do CameraHot me deram a oportunidade de fazer uma entrevista com a Rubi Sexy, uma de suas camgirls. Você pode ver a conversa na integra logo abaixo:

Depois de conversar – e me apaixonar – pela Rubi, fui dar uma volta pelo site, conhecer algumas das moças que estavam online por lá e ver que serviços elas tinham para oferecer.

Realmente, para mim, foi um novo jeito de vivenciar o conteúdo erótico na internet. Primeiro, que cada uma das moças oferece apenas o que está disposta a fazer, seja somente conversar, tirar uma peça de roupa ou fazer um show de strip completo.

De acordo com os idealizadores do CameraHot, maior site de strip-tease virtual brasileiro, o site recebe mais de 80 mil acessos diários e possui cerca de 400 camgirls de todos os estilos e perfis, disponíveis para conversar com os usuários. Números impressionantes para um serviço online como este.

Sexo Virtual

É uma experiência voyeur elevada a outro nível, onde você pode ficar somente olhando ou assumir o comando e idealizar até onde quer que a moça vá na brincadeira. Você pode construir aquela cena sensual você mesmo, quase como se fosse o diretor do seu próprio filme erótico.

Sem contar o sentimento de humanização que você tem , já que – antes de começar a sacanagem em si – você tem que trocar uma ideia com a moça.

O que torna toda experiência mais viva e verdadeira do que apenas dar um play em um filme erótico. E até – por que não – mais prazerosa também. Recomendo para quem já cansou de passar os dias vendo sempre os mesmos vídeos e quer uma experiência mais real.

Quem quiser bater uma papo com Rubi, pode encontra-la neste link do CameraHot.

Os comentários são listados abaixo, clique no botão para comentar ou ler outros comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Canal do MHM

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »