Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Está pensando em perder a virgindade?

Não importa há quanto tempo, todos os caras do planeta podem lhe contar os detalhes vívidos de como perderam a virgindade. Entre todas as “primeiras vezes” que você vai experimentar em sua vida, o primeiro sexo é realmente marcante.

Um minuto, você é o cara que imaginou como seria penetrar uma mulher por meio de muita pornografia e devaneios sexuais. E no minuto seguinte (ou mais, esperamos), você tem a experiência em seu currículo e está pronto para começar a aprimorar o seu ofício, por assim dizer.


Confira o vídeo com as verdades que não te falaram sobre a primeira vez

Mas não vamos nos antecipar porque perder a virgindade é um grande negócio, mas não é um bicho de sete cabeças e, por isso, queremos ter certeza de que você está indo para a cama da forma mais humana e tranquila possível.

O que, de fato, significa perder a virgindade?

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Aqui está um fato divertido sobre a virgindade que você provavelmente não sabia: não é real. “É muito importante entender que a virgindade é uma construção social e nada mais”, explica Anne Hodder, educadora sexual certificada.

“Não há definição médica ou científica de virgindade. Algumas culturas acreditam que ‘virgindade’ significa sexo pênis-na-vagina, o que faz com que algumas pessoas acreditem que outros tipos de sexo simplesmente não contam. Mas esse não é o caso de todos. – podemos definir o que consideramos ‘sexo’ e tratar o nosso desejo sexual e a vida sexual de acordo.”

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Porque, na verdade, se você deu a uma mulher um orgasmo usando apenas a boca ou as mãos, isso deve contar para algo, certo?

O fato de que o termo “virgindade” definitivamente causou alguma confusão ao longo dos anos – especialmente no que diz respeito ao sexo oral. Mas, de qualquer maneira, a sociedade ainda define a perda de virgindade como o ato da penetração propriamente dito, então, vamos usar essa ideia como base.

Existe idade certa para perder a virgindade?

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Antes de começarmos a dar uma olhada nas estatísticas da virgindade em todo o mundo, vamos esclarecer uma coisa: a melhor idade para perder a virgindade é qualquer que seja a idade que você esteja pronto – seja 13, 14, 15, 22, 25 ou mais. “O que importa é que você está escolhendo fazer isso porque você quer, não porque você sente que deveria”, diz Hodder.

Mas se você ainda está curioso sobre quantos anos o resto das pessoas ao redor do mundo estão quando elas dão o primeiro passo no mundo sexual, aqui está uma visão geral. “Nos EUA, a idade média para um homem perder a virgindade varia de 17,1 para 18, dependendo do estudo que se segue”, diz o professor de autodesenvolvimento, Tony Naemi.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

“Essa idade faz sentido, já que a idade de consentimento é de 18 anos na maioria dos estados. Os EUA ficaram em 24º entre 44 países pesquisados ​​sobre esse assunto, com homens da Malásia tendo sexo em média mais tarde na vida aos 23 anos e a Islândia sendo o mais novo com uma idade média de 15,6 “.

Se esse número te surpreender, você não está sozinho. “Muitas vezes, acreditamos que as pessoas ao nosso redor estão fazendo muito mais sexo do que realmente estão”, diz Hodder, “e às vezes essas pressões sociais podem influenciar nossas decisões. O sexo é difícil de avaliar – especialmente se você não teve muitas relações sexuais e experiência – mas não há maneira certa ou errada de fazê-lo. Fazer sexo pela primeira vez certamente difere de país para país principalmente como resultado de sistemas de valores culturais ou religiosos mais do que simples geografia. “

Coisas para saber antes de perder a virgindade

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

No que diz respeito a sua primeira vez, algumas dicas podem variar de pessoa para pessoa. “O ato depende de uma variedade de fatores”, diz Naemi, “como ansiedade, quem é sua parceira, sua familiaridade com ela, seu desejo sexual, sua experiência sexual e desejo, e onde você está fazendo sexo”.

Mesmo que as mulheres geralmente experimentem mais dor do que os homens quando perdem a virgindade, Naemi diz que isso pode acontecer com os homens também.

“Pode haver dor dependendo do nervosismo da parceira e da dilatação do canal vaginal dela, da duração do sexo e do uso de preservativo”, diz ele. No entanto, com algumas medidas preventivas (às quais chegaremos), você poderá evitar a maioria dos fatores que potencialmente causariam dor.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Como você vai se sentir depois? Provavelmente, muito bem, já que há muitas endorfinas “pós-coito” que vão se espalhar pelo seu corpo. Mas no que diz respeito às mudanças físicas, seu pênis será o mesmo de antes do sexo. Mas, de acordo com Hodder, você provavelmente ficará um pouco mais alto, psicologicamente falando.

“Alguns homens podem sentir uma sensação de ‘maturidade’ depois de fazer sexo pela primeira vez”, diz ela, “porque o sexo é tão frequentemente associado a se tornar um ‘adulto’, um ‘homem’. Isso, é claro, é simplesmente uma construção social e a quantidade de sexo que alguém está tendo não afeta a identidade de gênero.”

Como perder a virgindade

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Antes de entrarmos em ação, há algumas perguntas que você deve se fazer antes para saber se está pronto: “Por que estou fazendo isso? Estou tentando provar algo para mim ou para outra pessoa?”.

“Também pode ajudar se perguntar como você se sente pela pessoa com quem você está pensando em fazer sexo pela primeira vez, e se suas intenções para a experiência estão vindo de um lugar genuíno”, diz Hodder, “não influenciadas por pressões sociais que pode estar se sentindo “.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Além disso, como essa experiência vai continuar com você pelo resto de seus dias, Naemi sugere dar uma boa olhada em quem você está decidindo escolher para esse ato. “Pergunte a si mesmo: ‘essa é a pessoa que eu quero lembrar para o resto da minha vida como tendo dado a minha virgindade?’ Se a resposta for não, então talvez não seja uma ideia tão legal fazer sexo com ela se você for um cara mais sentimental e tímido.”

Hodder também diz para se certificar de que você está se protegendo contra infecções sexualmente transmissíveis, também conhecidas como DSTs.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

“É preciso apenas um ato sexual para transmitir uma DST ou, se você estiver fazendo sexo com penetração vaginal, causar uma gravidez indesejada, por isso é importante que ambos os parceiros saibam seu status (faça o teste!) E usem um método de barreira para reduzir o risco.

Felizmente, os preservativos são super fáceis de conseguir, você pode comprá-los em quase qualquer lugar”, explica Hooder. E se você é difícil para o dinheiro, o Ministério da Saúde disponibiliza camisinhas em postos de saúde no Brasil inteiro.

Lembrando: pessoas virgens também podem ter DSTs, viu? Por isso, use camisinha mesmo se a garota também for virgem.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Além disso, certifique-se de que você sabe como colocar um preservativo antes de fazer sexo pela primeira vez. “Antecipar a colocação de um preservativo no calor do momento pode criar uma carga de ansiedade que pode atrapalhar e cometer erros”, diz Hodder.

“Eu sugiro que homens e mulheres passem pelas etapas de abertura e colocação de vários métodos de barreira no conforto de seus quartos ou casas. Dessa forma, eles garantem que, na hora H, estarão confortáveis em colocar o preservativo.”

Um pouco de lubrificante pode ajudar muito nesse processo (e manter seu pênis livre de dor depois). Coloque uma gota no preservativo antes de colocá-lo, e se as coisas começarem a secar enquanto você estiver fazendo a ação, não tenha vergonha de usar mais para ajudar a manter as coisas em movimento.

 

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

O quão bem sua primeira vez vai ser realmente depende se você e sua parceira estão na mesma página tanto quanto suas expectativas – por isso, certifique-se de ter uma conversa sobre isso de antemão (e de preferência não antes que você esteja prestes a cair na cama).

“Converse com sua parceira antes de qualquer roupa estar perto de sair, para ver se vocês estão na mesma página sobre o que vocês querem, o que vocês gostam (e o que vocês não gostam), e como vocês estão se sentindo sobre isso”, diz Hodder.

“Muitas vezes, o medo ou a ansiedade de fazer sexo pela primeira vez pode fazer com que toda a experiência pareça muito mais estressante do que precisa. Isso pode ajudá-lo a se sentir ainda mais conectado com sua parceira para compartilhar sua sensação – porque as chances são de que ambos estejam sentindo algo semelhante, e falar sobre isso pode ajudar a construir uma conexão íntima ainda mais forte.”

Em termos de posicionamento, lembre-se da máxima sobre exercícios: você precisa ser capaz de andar antes de poder correr. Em vez de tentar colocar seus corpos em posições difíceis, a sexóloga Dra. Megan Stubbs recomenda começar com o básico. “A posição papai e mamãe é um clássico por uma razão”, diz ela.

O que homens de verdade dizem sobre suas experiências

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

Os nomes foram alterados para proteger a identidade dos entrevistados!

“A primeira vez que meu pênis penetrou uma vagina, parecia diferente de tudo que eu já havia sentido antes em toda a minha vida – em grau incomparável”, diz Ray, 29 anos.

“Eu não posso descrever verbalmente exatamente o que senti. Era, digamos, quente e úmido, mas isso nem chega perto de fazer justiça. Foi incrível de uma maneira única que eu imediatamente soube que nunca conseguiria replicar de maneira artificial. E suponho que é assim que deve ser. Sentir meu pênis dentro de uma mulher era, é e sempre será o auge da estimulação física para mim.”, diz Pedro, de 25 anos.

“Eu namorei uma garota durante todo o ensino médio que era uma dessas pessoas, ‘sou religiosa, então não podemos fazer sexo de verdade, mas podemos fazer todo o resto'”, diz Matheus, de 26 anos.

Tudo o que você queria saber sobre perder a virgindade mas tinha vergonha de perguntar

“Nós terminamos uma semana antes da faculdade. Na minha primeira semana eu me tornei presidente de turma de calouros e tive que fazer um pequeno discurso estúpido na Universidade. Quando acabou, uma garota do último ano que estava assistindo veio até mim e me perguntou o que eu faria aquela tarde, eu disse ‘nada’, e ela disse: ‘Ok, venha comigo no meu quarto’. Eu nem tinha ideia do que rolaria, era bem ingênuo. Chegamos ao seu quarto e, então, depois de assistir um pouco de TV, ela se levanta, entra no banheiro e sai completamente nua. Fica em cima de mim e diz: ‘O que você quer fazer?’ Eu então comecei a fazer alguma piada sobre jogar futebol. Ela então praticamente arrancou minhas roupas e me segurou ali até gozar – ela gozar. Depois, me agradeceu e literalmente nunca falou comigo de novo. Foi estranho porque ela praticamente me usou como um vibrador: ela gozou, e eu não”, diz Ricardo, de 32 anos.

Viu só? A virgindade pode ter um peso diferente para cada pessoa.

Curtiu esse conteúdo irado que você acabou de ler?

Então se liga na novidade massa que eu tenho pra te contar: depois de colocar nosso livro nos mais vendidos da Amazon, a gente ACABOU de lançar o nosso SEGUNDO livro. E esse vai ser um livro DIGITAL, o famoso ebook.

Acabou de sair do forno o “Seja O Cara: O Manual Do Homem Confiante Na Cama”.

É um papo de brother pra brother pra gente falar sobre as coisas que seus amigos da zuera não falam… como se tornar mais confiante na cama e resolver problemas que te atrapalham com sua parceira: Falta de confiança, ejaculação precoce, disfunção erétil e um monte de coisa que a gente cria na nossa cabeça porque ninguém toca nesse assunto.

O livro acabou de ser lançado eu tenho belo presente pra você, a gente decidiu fazer um desconto especial de lançamento.

Mas preciso te dizer algo MUITO IMPORTANTE: Esse desconto de mais de 30%, é por tempo EXTREMAMENTE limitado.

Na próxima segunda-feira 17/12 o preço vai voltar ao valor original do livro.

Então não dá bobeira não! Se você quer se tornar um cara mais confiante na cama e ainda garantir esse desconto de lançamento a hora é agora!

Clica aqui no Link e confira tudo sobre o Livro!

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Homem também tem que ter estilo
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »