Conheça o Deadpool

Créditos: Reprodução

O filme do anti-herói foi lançado no dia 11 de fevereiro e, se você não conhece praticamente nada sobre o Deadpool e também não sabe o que esperar do longa, conheça as principiais características do mercenário e descubra a origem dele agora!

Conheça o Deadpool

Créditos: Reprodução

O anti-herói Deadpool, que já atuou em histórias da Marvel como herói e algumas vezes como vilão, foi criado por Rob Liefeld e Fabian Niciesa e apareceu pela primeira vez em 1991, como vilão em uma das histórias do X-Men.

O texto continua abaixo, clique no botão para continuar a leitura

Criado como uma paródia para um vilão da DC, o Exterminador, o personagem é conhecido por seu fator de cura e por ser praticamente impossível de vencer. Além disso, seu humor ácido e as inúmeras piadas que fazem referência aos outros heróis e vilões dos quadrinhos e ao universo da cultura pop foram os fatores decisivos da relativa popularidade do anti-herói.

Deadopool surgiu quando, com câncer, Wade Wilson passou por um experimento chamado “Arma X”, o mesmo que criou Wolverine.

Depois da operação, ele desenvolveu a capacidade de rápida regeneração celular e força sobre-humana.

Deadpool e outros super-heróis

Créditos: Reprodução

Deadpool já flertou com o Homem-Aranha – sim, ele é descrito como Pansexual, alguém que sente atração física e emocional por todos os gêneros e, no filme, Tim Miller, o diretor da adaptação, ressaltou que quer essa orientação sexual em destaque.

Quem já conhece o universo de quadrinhos deve lembrar da breve aparição do anti-herói no filme X-Men, Origens: Wolverine. Apesar de não ter sido uma participação muito boa, a imagem dele se espalhou e o lançamento de um filme próprio foi garantido principalmente por causa do esforço de Ryan Reynolds em criar uma produção exclusiva para o anti-herói.

A intertextualidade e a quebra da quarta parede

Créditos: Reprodução

No cinema e no teatro, quebrar a quarta parede é ignorar o véu da realidade que separa o público do filme. Muitos personagens já fizeram e fazem isso no cinema, Deadpool ficou conhecido por fazer isso nos quadrinhos e, agora, na sua adaptação realizada pela FOX.

Deadpool faz muitas piadas através da intertextualidade e convida o público para participar de cada uma delas mostrando que o universo onde ele vive é o mesmo que o nosso. Nos quadrinhos, por exemplo, ele já fez referências aos clássicos do cinema como Sexto Sentido e também já brincou com outros heróis.

Como a principal característica do personagem é justamente o seu humor ácido e a falta de preocupação com a realidade, é fácil incluir qualquer piada sobre o universo da cultura pop em suas histórias, afinal, apesar da maioria ter um roteiro estabelecido, o objetivo do Deadpool é fazer o público rir da própria indústria do entretenimento e dizer, nos quadrinhos e agora nos filmes, o que o público sempre quis falar.

O mérito do filme

Créditos: Reprodução

No filme, a metalinguagem é tão extrapolada que transforma o ato de assistir Deadpool em uma experiência completamente diferente de tudo o que já foi feito no cinema de heróis: ao mesmo tempo que nós nos preocupamos com os personagens e acreditamos na veracidade de tudo aquilo, nós desacreditamos na realidade da história.

Os roteiristas do filme certamente são os verdadeiros heróis porque apesar de todo o humor unindo realidade e fantasia – em piadas sobre atores e sobre o próprio estúdio mescladas com situações fantásticas – nós ainda nos pegamos envolvidos com a trama e curiosos sobre o seu final.

O papel da internet

Créditos: Reprodução

A ideia de um filme do Deadpool estava no papel há um tempo e Ryan Reynolds temia que a FOX colocasse o projeto na geladeira porque o estúdio não acreditava completamente no sucesso da obra.

Então, Reynolds decidiu ousar e investir. O vazamento de uma suposta “fita teste” mostrou Ryan Reynolds como Deadool na San Diego Comic-Com e o mundo nerd pirou. O sinal verde do estúdio veio antes do fim da feira ainda em julho de 2014.

A internet enlouqueceu, todo mundo começou a falar de Deadpool e o poder da viralização de qualquer vídeo ou imagem envolvendo o anti-herói demonstrou ainda mais a capacidade de Deadpool virar um fenômeno mundial.

Na Comic-com seguinte, em 2015, o primeiro trailer do filme Deadpool foi revelado e antes mesmo da estreia do filme, a Fox já confirmou uma sequência.

A maioria das pessoas sequer conhecia o personagem antes de todo o frenesi envolvendo o lançamento do filme. Hoje, certamente, o público vai correr para a internet depois de deixar as salas de cinema para descobrir mais sobre o Deadpool e seu papel nos quadrinhos.

Em uma época repleta de séries e filmes de super-heróis, ver um anti-herói fazendo piada com tudo é uma forma inteligente de manter o gênero vivo e fazer com que o público se sinta dentro de um evento muito maior que apenas um filme.

Os comentários são listados abaixo, clique no botão para comentar ou ler outros comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Canal do MHM

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »