Como identificar o babaca do escritório

Créditos: Reprodução

Créditos: Reprodução

 

Sempre existe aquele cara que insiste em puxar o saco do chefe, mandar você seguir estritamente cada regra – mesmo aquelas não explícitas e desconsideradas, inclusive, pelos cargos de liderança – invadir seu espaço em reuniões tomando a sua voz e escutar música ou assistir vídeos sem fones de ouvido.

Essas atitudes, típicas do babaca, são simples quando comparadas às ações extremamente tóxicas que esse sujeito pode tomar: ele passa a perna em quem puder, faz fofoca, abusa do seu poder, pratica assédio moral e, aos poucos, pode acabar com a harmonia de um departamento ou até prejudicar a empresa.

Segundo um novo estudo da Harvard Business School, você não deve ter vergonha de odiar esse cara. Na verdade, esse sanguessuga foi reconhecido pelos autores do estudo como o “funcionário tóxico” e ele não é apenas um calo no seu sapato como também está torrando o dinheiro da empresa.

O texto continua abaixo, clique no botão para continuar a leitura

Os pesquisadores Michael Housman e Dylan Minor destacaram que, por anos, as empresas estiveram focadas em encontrar o empregado do ano, o melhor funcionário. Aquele capaz de vestir a camisa do time, aumentar a produtividade da equipe por sua personalidade, conhecimento e dedicação.

Porém, praticamente nenhuma empresa procura o babaca. Aquele cara capaz de fazer todo o departamento se sentir horrível, quem insiste em puxar o time para baixo e reduz drasticamente a produtividade de quem está ao redor.

Créditos: Reprodução

Créditos: Reprodução

 

De acordo com esse novo estudo, o “funcionário tóxico” é definido como um empregado que se engaja em um comportamento prejudicial para a organização, tanto em relação à propriedade quanto em relação aos outros funcionários. Em uma visão mais ampla, esse funcionário pode custar bilhões de dólares, como aconteceu no caso ‘London Whale’, onde o funcionário chamado Bruno Iksil causou despesas de US$920 milhões para o banco JP Morgan.

Em outra perspectiva extrema, funcionários tóxicos podem até machucar e ferir seriamente seus colegas de trabalho, como aconteceu recentemente em São Paulo. Depois de ser demitida, uma antiga funcionária de um escritório de advocacia invadiu o prédio e manteve reféns durante cinco horas.

É lógico, a situação é uma via de duas mãos. Às vezes, no caso dessa funcionária, o seu chefe também poderia ser um funcionário tóxico e tudo acabou virando uma bola de neve.

Mesmo nos níveis mais modestos de comportamento tóxico, esses funcionários podem causar custos para a organização, como perda de clientes, perda de moral entre os empregados, demissão de bons funcionários por causa de assédio moral, queda no faturamento e outras consequências.

Créditos: Reprodução

Créditos: Reprodução

 

Examinando um grupo de 50.000 funcionários em 11 companhias diferentes, os pesquisadores detectaram um número de traços que esses funcionários tóxicos normalmente compartilham.

Eles tendem a ser confiantes demais em si mesmos, egocêntricos e auto-suficientes e obcecados em seguir regras. Infelizmente, eles também são, normalmente, funcionários que realizam entregas em dia, por isso acabam ficando tempo demais na empresa mesmo sendo odiados por todos e causando, silenciosamente, prejuízos em larga escala.

A revista Forbes também selecionou outras atitudes típicas do babaca, como não treinar bem outros funcionários, ter dificuldades em compartilhar informação e conhecimento, se apoderar de ideias de seus colegas, passar tempo demais em reuniões e menos tempo trabalhando, não assumir a responsabilidade quando passa uma ordem errada ao outro funcionário, falar alto demais e, é claro, abusar do poder proporcionado pelo cargo.

Se você já identificou esse profissional em algum lugar, pode odiá-lo à vontade mas, se você não acha que exista um babaca no seu escritório, cuidado: o babaca pode ser você.

Os comentários são listados abaixo, clique no botão para comentar ou ler outros comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Canal do MHM

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »