5 Motivos para assistir e 5 para esquecer o filme 50 Tons de Cinza

Elencamos as razões para você amar ou odiar o longa metragem

Você pode ser indiferente a obra literária, nunca ter pensado em folhear uma página sequer, mas precisa reconhecer que 50 Tons de Cinza é um dos maiores fenômenos literários do século 21. As 100 milhões de cópias vendidas em 37 países, colocaram a autora E. L. James entre uma das mais influentes, além de ser um total sucesso de público feminino, transformando as mulheres em grandes apaixonadas pela trama.

+ 50 Livros para ler no lugar de 50 Tons de Cinza
50 Tons de Cinza: um conto de fadas para deixar as calcinhas molhadas

O filme estreia 12 de fevereiro. Para quem não conhece ainda a trama, vai aí um breve resumo. Ele conta a história da jovem e virgem Anastasia Stelle, 22 anos, que está prestes a se formar na faculdade e conhece um homem poderoso, o bilionário e “intimidante”: Sr. Grey. Anastasia descobre que Grey não é adepto do sexo convencional, mas sim do sadomasoquismo.

Ele deseja uma mulher submissa, e diz que é sua vontade ser um dominador. Porém, logo descobrimos que o personagem tem traumas de infância, cujos reflexos moldam seu comportamento sexual.

O texto continua abaixo, clique no botão para continuar a leitura

O trailer do longa foi o mais assistido do youtube no ano passado, batendo Os Vingadores: A Era De Ultron e Star Wars: O Despertar Da Força.

O filme já bateu recorde de venda antecipada e deve arrecadar US$ 60 milhões em seu primeiro dia nos cinemas somente nos EUA. O valor é maior do que o orçamento do longa, de US$ 40 milhões. Para você não ficar de fora das discussões que vão rolar nos próximos dias, reunimos 5 motivos para ver e 5 razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza.

 

5 Motivos para ver 50 Tons de Cinza

1# Sexualidade nunca foi tão discutida

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 11
Você pode achar um romance água-com-açúcar, sem graça, mal escrito e amador, mas nunca a sexualidade foi tão discutida do que nestes últimos anos por causa de 50 Tons de Cinza. O título alavancou a venda de produtos no sexshops de uma maneira absurda e com o filme (e as sequências) não será diferente.

Bondage, sadomasoquismo, spanking, dominante, submissa são alguns termos que saíram do preconceito em quartos escuros e passaram a conviver no cotidiano de muitas pessoas.

2# Apimentar relacionamento

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 8
Um fato que você precisa saber: elas são muito mais preocupadas em aquecer o sexo no relacionamento do que os homens. Duvida? Pesquisas da Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual comprovam que as mulheres representam 70% das vendas de produtos em sexshops brasileiras.

Além disso, informações sobre sexualidade, dicas para potencializar o prazer, posições diferentes são sempre buscadas e levadas para o relacionamento por elas. Pode esperar que sua parceira virá com ideias novas depois que ela for ver o filme com as amigas.

3# Explorar fetiches sem preconceito

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 5
Sabe aquela coisa do ‘Mulher minha não faz isso?’ Acho melhor você deixar para trás e começar a ouvi-la mais, principalmente quando se referir ao sexo. Não foi à toa que o livro engajou milhares de mulheres a discutirem sexualidade e seus desejos sem preconceitos. Que tal aproveitar a situação e realizar não só o dela, mas o seu também?

4#  Por que as mulheres amam o Christian Grey?

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 9
Como um cara que torna uma mulher submissa e explora-a sexualmente consegue atrair os olhares apaixonados de tantas garotas? Não é só a grana que ele tem, mas um conjunto de coisas que elas gostariam que o parceiro fizesse: dar mais atenção, elogiar mais, ser sexualmente mais ativo, criar momentos de romance e importar-se mais com a mulher. Que tal valorizar mais a parceira ao seu lado?

5# Que tal acompanhá-la e se beneficiar com isto?

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 4
Ela já te acompanhou em alguns filmes de porradaria, de robôs, de zumbis, muitos dos quais ela não só desconhecia o enredo como saiu dos cinemas preferindo não ter visto. Que tal fazer um sacrifício para acompanhá-la para assistir o filme recheado cenas de sexo e ainda se beneficiar com ideias e situações para a transa mais tarde?

5 Razões para esquecer 50 Tons de Cinza

1# Um romance mal escrito


Se o roteiro do filme acompanhar o livro, a tendência é que as pouco mais de 2h do longa seja um grande sofrimento. O livro é mal escrito, sem estilo próprio, com descrições fartas de várias cenas de sexo e uma trama que parece cobrir buracos entre uma trepada e outra.

2# Mais um conto de fadas

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 10
A volta do famoso conto de fadas. Christian Grey representa o melhor exemplar de um herói romântico. É bonito, alto, moreno, empresário multibilionário, extremamente bem sucedido, construiu sua fortuna sozinho, inteligente, cortês, misterioso, com segredos importantes a serem desvendados e impossivelmente jovem para tantas realizações.

Por sua vez, Anastásia Steele também é uma personagem perfeitamente construída para ser a heroína deste romance. Ela é jovem, tímida, desajeitada, inteligente sem ser genial, sagaz, bonita mas não exuberante, filha de pais separados, que mesmo não sendo pobres, não puderam prover à filha os mesmos confortos que sua grande amiga Kate, com quem divide o apartamento e por quem se sente levemente ofuscada. Ela é a mulher com quem a maioria das mulheres pode se identificar e almejar estar em seu lugar.

Percebeu agora porque o romance água com açúcar funciona tão bem com as mulheres?

3# 50 Tons de Cinza faz mal às mulheres

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 7
Um estudo liderado por Amy Bonomi e outros pesquisadores da Universidade do Estado de Michigan analisou o relacionamento dos dois e comparou com os padrões que o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), um braço do órgão de saúde do governo americano, considera como violência interpessoal. E, segundo eles, o namoro é “emocionalmente abusivo, caracterizado por perseguição, intimidação e isolamento”. As consequências disso? Anastasia sofre de estresse, distúrbio de identidade e sensação de impotência.

A pesquisadora Amy Bonomi ainda extrapolou o mundo da ficção e quis saber se esse romance doentio influencia as leitoras. Ela e sua equipe entrevistaram 655 mulheres, entre 18 e 24 anos, para saber sobre os hábitos alimentares, vida sexual e consumo de álcool. Entre elas, 33% haviam lido pelo menos um livro da trilogia.

As leitoras do best-seller costumavam relatar mais envolvimento com namorados violentos, distúrbios alimentares e se embriagavam com mais frequência. Elas também tendiam a ter mais parceiros sexuais do que as outras.

4# Sadomasoquismo Gourmet

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 6
Como bem disse Nina Lemos, da Revista TPM, o sadomasoquismo é tão glamourizado no título, com quartos decorados à lá Casa Cor, sexo feito em cima de móveis de couro, camas King Size e descrito em mínimos detalhes, que todo o fetiche acabou virando gourmet.

No romance, o cenário passa a ser mais importante do que o desejo ou a prática em si. Muitos adeptos do BDSM (Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo) afirmaram que os fetiches realizados no livro são muito rasos e servem apenas como um Bê-a-bá para quem se interessa no assunto. Menos sadomasoquismo de boutique e mais sexo com o tesão da vida real.

5# A história da mulher submissa e interesseira e um homem manipulador

Motivos para ver e razões para esquecer o filme 50 Tons de Cinza 2
Anastasia, uma mulher comum e frágil, apaixona-se por Grey não só pelos atributos físicos, mas pelo poder e dinheiro que ele possui. Para manter-se na relação, ela assina um contrato de submissão e aceita todas as imposições do macho dominador.

Não precisa ir muito longe para saber que uma relação baseada nesses aspectos está longe de ser sadia e dar certo.

Fonte: Maurício Amaral de Almeida, TPM

Os comentários são listados abaixo, clique no botão para comentar ou ler outros comentários
Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Canal do MHM

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »