Correr em excesso pode ser tão prejudicial quanto o sedentarismo

shutterstock

Se você foi picado pelo bicho da corrida, saiba que treinar em excesso pode ser tão prejudicial quanto treino nenhum. Quem revelou isso foi uma pesquisa que saiu no Journal of the American College of Cardiology.

O estudo dinamarquês desenvolvido por pesquisadores do Hospital Frederiksberg, de Copenhague, pediu aos participantes para registrar a frequência com que se movimentaram, durante quanto tempo e em que intensidade, para medir detalhes sobre sua saúde.

Os cientistas analisaram a rotina de mil corredores e 4 mil sedentários durante 12 anos e descobriram que a taxa de mortalidade do primeiro grupo era muito semelhante à do segundo. Isso levou a crer que colocar o coração à prova diariamente, fazendo-o trabalhar em um ritmo maior do que ele pode suportar, pode ser fatal.

“Você realmente não tem que fazer muita atividade física para ter um bom impacto sobre sua saúde”, revela o pesquisador Jacob Louis Marott, do Hospital Frederiksberg em Copenhague.

Este é um estudo pequeno, especialmente quando se trata de pessoas nos grupos mais ativos na atividade física – apenas 36 foram classificados como corredores “extenuante” e apenas dois deste grupo morreram.

Shutterstock

Ainda assim, os especialistas advertiram que se tornou mais difícil detectar e ter a certeza das diferenças entre cada grupo. Em pesquisas anteriores, como um estudo em ratos, sugeriu que o exercício afetou o ritmo cardíaco, e outras operações que apontam que exercícios de resistência extenuante a longo prazo pode danificar o coração.

Qual é a recomendação?

Maureen Talbot, enfermeira cardíaca sênior da Fundação Britânica do Coração, disse: “Este estudo mostra que você não tem que correr maratonas para manter seu coração saudável”.

Ao invés disso, uma corrida leve e moderada pode ser mais benéfica do que estar inativo ou praticar uma corrida extenuante, acrescentando anos à sua vida.

Apesar de não ser um consenso, o estudo sugeriu que movimenta-se em um ritmo constante por menos de duas horas e meia por semana, a 8km/h, pode ser uma boa medida.

“Pode parecer pouco, mas mesmo uma caminhada rápida é um bom exercício. E se você estiver plantado no sofá, este é um bom começo”, resume Maureen Talbot.

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »