Marcas supervalorizadas pelos brasileiros mas que não são nada demais lá fora

Créditos: Reprodução

A síndrome do importado ataca muitas pessoas em qualquer lugar do mundo. Aqui no Brasil, colocamos algumas marcas no pedestal – muitas vezes sem perceber – só porque elas são importadas de outros países.

Isso é natural do ser humano, afinal, experimentar e vestir o novo é uma experiência interessante. Porém, muitas vezes passamos do limite e damos muito valor para coisas que não merecem tanta atenção.

Separamos algumas marcas que fazem bastante sucesso aqui no Brasil mas que, lá fora, não são tão valorizadas assim.

Antes de iniciar a lista, precisamos deixar claro: não estamos criticando a qualidade dos produtos, muitas das marcas listadas a seguir são sinônimo de qualidade.

O intuito do texto é demonstrar como, muitas vezes, supervalorizamos o que vem de fora e vestimos a marca apenas pelo status, sendo que em seu país de origem ela não é tão importante assim.

Algumas marcas supervalorizadas pelos brasileiros são:

Aéropostale

marcas

Você certamente já viu alguém vestindo uma camiseta desta aqui no Brasil. Muitos homens aqui usam Aéropostale para sair para a balada ou curtir a noite. Mas por quê?

Você por acaso usaria uma camiseta com o nome gigantesco de alguma loja de departamento estampada na parte frontal? Como, por exemplo, um logo gigantesco da C&A ou da Renner? Então, a Aéropostale é uma loja de departamento lá fora e ninguém a supervaloriza por lá.

Hollister

Créditos: Reprodução

Outro exemplo de “outdoor de loja” é a moda Hollister. Assim como a Aéropostale, a Hollister não é marca de luxo lá fora e as camisetas mais populares são vendidas por cerca de US$10 – algo em torno de R$40. Aqui no Brasil, por exemplo, você compra as mesmas camisetas de malha da Hollister por R$180. Vale a pena?

Tommy Hilfiger

Créditos: Reprodução

Alguns norte-americanos até fazem piada com quem usa as camisetas clássicas da Tommy Hilfiger para jantares importantes ou baladas de alto custo aqui no Brasil.

Aqui, é luxo. Lá fora, apesar da camiseta ter qualidade, os norte-americanos compram as peças em outlets e levam várias de uma vez por causa do preço acessível.

As camisetas são bonitas e a marca é muito boa, mas suas peças mais simples não devem ser vistas como artigos de luxo.

Victoria’s Secret

Créditos: Reprodução

Em alguma viagem, você já deve ter parado em uma loja da Victoria’s Secret para comprar um presente para a sua namorada, esposa ou irmã. No mínimo, já ouviu alguma garota pedindo para alguém trazer um creme hidratante ou lingerie da Victoria’s Secret de viagem.

Para quem mora lá fora, a loja é popular, é apenas mais uma. Apesar de todo o marketing da Victoria’s Secret, ela não é muito diferente das lojas de departamento aqui do Brasil. Hidratantes são vendidos em balaios, em promoções de “leve 3 pague 2”, assim como as calcinhas e sutiãs.

Os cremes comercializados pela loja, alias, sequer são tão bons assim. Os norte-americanos preferem comprar hidratantes de outras marcas com uma qualidade superior.

Red Lobster

Créditos: Reprodução

Você provavelmente acredita que o restaurante Red Lobster é um exemplo de alta gastronomia lá fora, certo? Tudo bem, a maioria das pessoas acredita nisso, mas, apesar de ter pratos bem saborosos, ele não é.

A casa especializada em frutos do mar tem 64 unidades na Flórida – sem contar as outras espalhadas pelos Estados Unidos. Apesar de não ser um fastfood, é um restaurante bem popular e relativamente simples.

Os preços, inclusive, são bem acessíveis nas unidades norte-americanas, o que é ótimo se compararmos aos preços salgados das unidades aqui no Brasil.

GAP

Créditos: Reprodução

Uma das marcas mais populares por aqui e talvez uma das mais pirateadas. As camisetas e casacos com o logo da GAP já ganharam inúmeras versões e podem ser encontradas em praticamente qualquer lugar do Brasil. Mas, na fora, ela é uma das marcas mais conhecidas e sinônimo de roupa barata e variedade. Por isso, não caia no papo de vendedor que quer te vender uma peça da GAP por R$150 ou R$200.

Os produtos originais até possuem qualidade, sim. Mas, lá fora, as peças da GAP não são tão valorizadas como aqui no Brasil.

A conclusão? Pesquise bem para saber se vale desembolsar o quanto é cobrado por marcas como essas aqui no Brasil. Talvez você encontre produtos iguais ou com melhor qualidade por um preço relativamente melhor.

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »