Esportistas que superaram lesões e deram a volta por cima

Conheça os esportivas passaram por traumas e voltaram ao topoJosh Hedges/ Divulgação UFC

“A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em levantarmo-nos sempre depois de cada queda”. (Oliver Goldsmith)

Para estas pessoas, não basta ser o melhor, a grande qualidade destes esportistas está no seu grande poder de superação, passando pelos mais diversos traumas e ainda assim, dar a volta por cima.

+ Conheça o maior duelo da F1
+ 7 Lições de Vida com Lutadores Brasileiros de UFC

O mais recente caso é do lutador de MMA, Anderson Silva. Com 17 vitórias seguidas e 10 defesas de título consecutivas, ainda hoje é o dono da maior sequência de vitórias e de títulos de defesa da história do UFC.

Perdeu o cinturão dos pesos médios para Chris Weidman em julho de 2013. A revanche foi marcada para dezembro do mesmo ano e, após alguns momentos do segundo assalto, ao tentar um chute baixo lateral, Anderson quebrou a perna e perdeu a luta por ser incapaz de continuar o confronto. Tenta agora, em 31 de janeiro de 2015, em um confronto marcado diante de Nick Diaz, retornar ao esporte.

Será que ele vai voltar ao topo? Para incentivá-lo nesta empreitada, listamos os atletas que superaram as piores adversidades no esporte e deram a volta por cima. Confira!

1# Magic Johnson

NBA

Astro máximo dos Los Angeles Lakers, ele chocou o mundo revelando, em novembro de 1991, ser portador de HIV. Vale lembrar que na época a doença assustava pela rápida degeneração que causava aos pacientes.

Com 32 anos, Johnson iniciou o tratamento da doença e retornou ao basquete, tornando-se uma das estrelas do Dream Team americano que conquistou a Olimpíadas de 92.

2# Nick Lauda

Getty Images

O ano de 1976 sempre será lembrado por uma das mais emocionantes histórias da F1. Dois pilotos dividiam os holofotes, o inglês mulherengo e boa pinta James Hunt e o gênio austríaco e metódico Niki Lauda.

O segundo liderava com folga o Mundial. Ele havia vencido cinco das primeiras nove corridas da temporada, contra apenas duas de James Hunt, seu maior oponente. Lauda perdeu o controle e se chocou contra o muro no GP de Nurburgring, na décima etapa do Mundial. O piloto ficou preso no cockpit enquanto o carro pegava fogo e sofreu graves queimaduras no rosto, além de inalar gases tóxicos.

Um padre foi chamado ao hospital para lhe dar a extrema unção. Mas apesar de graves queimaduras, que lhe custou partes da orelha direita, Niki Lauda ficou fora do campeonato por apenas duas corridas, voltando no GP da Itália ainda usando bandagens no rosto. Lauda se manteve na briga pelo título até a corrida final. Perdeu a temporada, mas conquistou o campeonato do ano seguinte e em 1984.

3# Ronaldo Fenômeno

Getty Images

O craque da bola sofreu diversas lesões graves no joelho ao longo da carreira, em 1996, 1999, 2000 e 2008. Mas, a grande virada na sua carreira aconteceu em 2000. Depois de 15 meses de recuperação, voltou em grande estilo na Copa de 2002, quando transformou-se em artilheiro com 8 gols e foi primordial para a conquista do pentacampeonato brasileiro.

Depois da contusão no joelho em 2008, muitos especularam o fim de sua carreira após 13 meses afastado. O Fenômeno largou o Milan, fechou com o Corinthians e angariou títulos como a Copa do Brasil e do Campeonato Paulista de 2009.

4# Alessandro Zanardi

Conheça os esportivas passaram por traumas e voltaram ao topo

Zanardi surgiu como Bicampeão da antiga Cart/Champ Car, uma divisão da F-Indy, Zanardi voltou à categoria em 2001 após uma passagem frustrada pela F1. No oval de Lausitzring, na Alemanha, ele rodou e foi atingido em cheio por Alex Tagliani, onde teve as duas pernas amputadas na altura do joelho.

Voltou a competir no Mundial de Turismo da FIA, onde venceu algumas corridas. Depois, migrou para o paraciclismo e levou duas medalhas de ouro nos Jogos Paraolímpicos de Londres, em 2012.

5# Peyton Manning

AP Photo/David Zalubowski

O quaterback do Denver Broncos passou por duas cirurgias no pescoço e teve a carreira seriamente ameaçada em 2011. Após 13 temporadas no Indianapolis Colts, ele deixou a equipe, mas voltou aos campos da NFL completamente recuperado, com a camisa do Denver Broncos.

Aos 37 anos, ele ainda quebrou recordes na NFL em 2013, sendo o MVP (jogador mais valioso) da temporada pela quinta vez na carreira.

6# Salvador Cabañas

Reprodução

Era convocado com frequência pela Seleção Paraguaia. Jogou a Copa do Mundo de 2006 e a Copa América de 2007 com a seleção de seu país. Ficou conhecido como “carrasco dos brasileiros” por ter feito gols importantes pelo América do México contra o Santos e o Flamengo na Copa Libertadores da América de 2008.

O paraguaio levou um tiro na cabeça em um bar, em 2010, e quase morreu. Mesmo perdendo aquela Copa do Mundo, ele ainda conseguiu retornar ao futebol e atualmente joga na segunda divisão paraguaia.

7# Natália Pereira

Divulgação/FIVB

Ouro no Grand Prix de Tóquio, em 2009, e prata no Campeonato Mundial da mesma cidade, em 2010, a ponteira ficou um ano e três meses afastada das quadras até se curar totalmente de um tumor na canela.

A recompensa foi a medalha de ouro nos jogos olímpicos de Londres em 2012. Na mesma temporada, 2012/13, conquistaria ainda a superliga pelo Rio.

8# Washington ‘Coração Valente’

Folhapress

Considerado um centroavante clássico, marcou 411 gols em toda carreira. Teve um problema cardiovascular em 2002 e foi impedido de atuar pelo Atlético-PR. Após um longo período de recuperação, ele retornou aos gramados e seguiu normalmente a profissão, se consagrando como artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2004.

Com 34 gols, ele quebrou o recorde de maior goleador numa mesma edição do Nacional e é o sétimo maior goleador da história do Campeonato Brasileiro.

9# Dani Piedade

Gaspar Nóbrega/Inovafoto/Photo&Grafia

Sofreu um AVC Isquêmico antes de uma partida de handebol e ficou internada 10 dias, passando quase um mês com problemas na fala, em 2012.

Em uma recuperação rápida e fantástica, retornou às quadras, conquistando o ouro inédito com a seleção brasileira no Mundial de 2013.

10# Juninho Paulista

Edison Vara

No auge da sua carreira, Juninho sofreu um grande baque quando sofreu uma entrada de Michel Salgado que o deixou de fora da Copa de 1998. O meio-campista de 24 anos demorou um tempo até se recuperar completamente e depois se destacou no Vasco, onde venceu a Copa João Havelange e a Copa Mercosul de 2000.

Também voltou à seleção e chegou a jogar algumas partidas como titular na campanha do penta em 2002.

11# Petr Cech

Getty Images

Em 14 de outubro de 2006, Cech levou uma joelhada durante jogo contra o Reading. O goleiro do Chelsea teve uma parte do crânio amassada e chegou a pensar em encerrar a carreira, mas voltou aos campos jogando com um capacete de Rugby, que virou sua marca registrada.

Na final da UEFA Champions League da temporada 2011-12, Petr fez boas defesas durante os 90 minutos, garantindo o empate em 1×1, e ainda defendeu um pênalti cobrado por Arjen Robben no 1º tempo da prorrogação. O jogo acabou indo para os pênaltis e Cech defendeu 2 cobranças e os Blues saíram campeões da Europa pela 1ª vez na história do clube.

Aos 31 anos, ele é ídolo do clube e da seleção tcheca. É considerado, por muitos especialistas, um dos melhores goleiros do futebol mundial na atualidade.

12# Jaqueline

Divulgação/FIVB

A ponteira-passadora sofreu uma grave lesão cervical durante uma partida de vôlei e ficou fora do Pan de 2011.

Ela retornou ao esporte cerca de oito semanas depois e ainda conquistou o bicampeonato olímpico em Londres-2012.

Compartilhe


Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »