Benefícios do café para o seu dia-a-dia

nestls-superstar-12300-nespresso-kapseln-pro-minute-104798401

Poucas bebidas no mundo são tão populares como o café. Combustível primordial para quem passa oito horas por dia no escritório, os mitos ao redor do néctar preto são muitos.

Ao longo dos séculos, centenas de pesquisas tentaram provar os atributos secretos da bebida. Sábios sufistas do Iêmen bebiam café para poder rezar por mais tempo. Durante o século XVIII, o café foi considerado um medicamento. E hoje, milhares de cientistas do mundo se debruçam sobre a bebida com diversas pesquisas.

Separamos alguns dos melhores benefícios do café para o seu dia-a-dia. Confira:

Quem bebe café pode viver mais

Quem bebe café pode viver mais

Uma pesquisa publicada no New England Journal of Medicine, revelou que quem bebe café tende a viver mais tempo do que que não bebe. O estudo levou em conta os resultados de um trabalho realizado ao longo de 14 anos.

Segundo os cientistas, pessoas que consumiam 6 xícaras ou mais de café por dia apresentaram um índice de mortalidade 10% mais baixo que os demais participantes. Já as mulheres apresentaram um índice 15% menor, tomando a mesma quantidade da bebida.

Café reduz risco de diabete

Tomar pelo menos uma xícara e meia de café por dia em um período de quatro anos ajuda a reduzir em 11% o risco de diabetes. Os dados foram apontados pela revista “Diabetologia”, da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes. Nesse caso, o efeito não se deve à cafeína, mas sim a outros compostos presentes no café, como os oxidantes, que ajudam no metabolismo da glicose.

Café pode melhorar a memória

Um estudo publicado na revista Nature Neuroscience provou que a cafeína pode estimular sua capacidade de memorização.  Cerca de 160 pessoas foram estudadas durante 24 horas. Metade tomou comprimidos de cafeína, metade não. Aqueles que ingeriram a substância se deram muito melhor em testes de memorização do que os que não ingeriram.

Café reduz risco de suicídio

stock-footage-model-released-man-in-studio-wearing-blue-robe-drinking-coffee-in-the-morning

Cientistas de Universidade Harvard publicaram um estudo no “The World Journal of Biological Psychiatry” revelando que as chances de suicídio caem pela metade entre adultos que consomem entre duas e quatro xícaras de café diariamente

Para chegar à conclusão, foram levados em conta dados de três grandes pesquisas feitas nos Estados Unidos entre 1988 e 2008, somando mais de 200 mil participantes entre consumidores de bebidas com e sem cafeína.

A explicação para esse fato é que o café estimula o sistema nervoso central e age como um antidepressivo ao aumentar a produção de neurotransmissores no cérebro, como serotonina, dopamina e noradrenalina.

Café faz você mais feliz

couple_talking_coffee

Um estudo realizado por uma equipe da Universidade de Ruhr, na Alemanha, mostrou que o café ajuda o cérebro no reconhecimento mais efetivo e rápido de palavras ou expressões positivas – como “amor” e “feliz”, em detrimento com as negativas, como “raiva” ou “tédio”.

Para chegar a tais conclusões, foram formados dois grupos: um tomava pílulas de cafeína, o outro placebos. Os cafeinados conseguiam reconhecer palavras positivas mais rápido do que os outros. Os pesquisadores acreditam que o café age na área cerebral responsável pelos pensamentos positivos, já que a bebida ativa uma substância chamada dopamina, substância ligada a criatividade.

Beber café pode prevenir doenças cardíacas e AVC

Man drinking coffee and reading newspaper

Segundo pesquisadores do Departamento de Farmacologia da Universidade de Ryukyu, no Japão, beber uma xícara de café pode dilatar os vasos sanguíneos até a largura de um dedo, melhorando significativamente o fluxo de sangue.

Pessoas que bebem uma xícara da bebida tiveram um aumento de 30% no fluxo de sangue durante 75 minutos. Isso ajuda a melhorar a função dos vasos sanguíneos menores e pode reduzir a inflamação nos vasos.

Beber café estimula honestidade

Uma xícara de café pode ser o remédio ideal para combater a Lei de Gérson. Segundo uma pesquisa publicada no Journal of Applied Psychologym, dormir pouco é o principal fator para comportamentos antiéticos em um ambiente corporativo.

A sonolência deixa um sujeito mais suscetível a influências sociais tais como um pedido de algum superior para fazer algo desonesto. Com a ingestão de cafeína, uma pessoa se sente mais disposta, com maior estímulo a seu autocontrole, o que ajuda na hora de recusar propostas ilícitas.

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »