9 Dicas simples para apreciar melhor sua cerveja especial

Shutterstock

Você superou a fase de tomar só cerveja estupidamente gelada e descobriu que existe um universo vasto para ser explorado, rico de sabores, aromas e intensidades: as cervejas especiais.

Para você que quer aproveitar ao máximo a experiência e ir, aos poucos, conhecendo os rótulos artesanais (sem ser chato), reunimos algumas dicas simples e funcionais para apreciar as cervejas especiais.

1# Como escolher sem se arrepender?

Shutterstock

Você se depara com uma prateleira cheia de cervejas das mais diversas e não tem a menor ideia do que escolher? Os rótulos mais caros nem sempre são sinônimos de que vão te agradar. Também não é só os importados que darão garantia de um bom produto, já que temos muitas cervejas especiais brasileiras tão boas quanto as gringas.

A melhor coisa é você pedir ajuda para um vendedor, garçom ou sommelier que estiver no espaço. Baseado no seu gosto e suas observações, ele poderá indicar algo de qualidade.

Outra boa dica é que vira e meche nós fazemos listas de conteúdos relacionados a cerveja (lista, indicações, rótulos premiados), pode ser uma fonte de informação para você fazer as suas escolhas também.

2# Reúna com os amigos e economize dinheiro

Shutterstock

Para mim, a cerveja é uma bebida social e coletiva. Tomar junto com outras pessoas, trocar informações e ter novas experiências é o que vale. Reunir os amigos e ir para um bar pode te ajudar de duas formas: fazendo com que o evento fique muito mais legal e economizando uma grana.

Isso porque vocês podem revezar, cada um compra um rótulo e vocês compartilham a cerveja e as impressões sobre ela. Você ainda pode juntar uma galera, comprar cervejas e tomar em casa.

Como estes rótulos têm sabores mais complexos e, normalmente, um teor alcoólico mais elevado, você não precisa tomar a mesma quantidade do que uma cerveja comercial. Seu bolso agradece.

3# Conheça o estilo de cerveja que você está pedindo

Você não precisa decorar as marcas de cerveja que você vai pedir (se fizer isto um tanto melhor), mas se conhecer por cima qual será o gosto básico de cada estilo (doce, amargo, cítrico, ácido), já vai direcionar para os que te agradam ou não.

Quer exemplos práticos: uma weizenbier (cerveja de trigo alemã) tem notas de banana e cravo; witbier é uma cerveja de trigo leve e refrescante, com notas cítricas e de coentro; IPA é uma cerveja com mais amargor, algumas oferecem notas cítricas; a Stout é uma cerveja escura com notas torradas do malte e café; uma fruit beer é uma cerveja leve, ácida, onde o dulçor da fruta predominando; e por aí vai.

4# Não tome cerveja especial estupidamente gelada

cerveja especial como beber 5
Se você quer tomar uma cerveja comercial abaixo de 0º, vá em frente, isso não vai influenciar na experiência. Agora, no caso de uma cerveja artesanal, sim!

A baixa temperatura mascara o sabor da bebida. Por isso, tente tomar na temperatura indicada no rótulo, às vezes só de deixar ela um pouco na fora da geladeira vai possibilitar que as características (aroma e sabor) se pronunciem.

5# Copo pode ser importante

cerveja especial como beber 6
Você não precisa bitolar a ponto de querer um tipo de copo para cada estilo de cerveja, mas, alguns estilos precisam ter um copo especial para que você aprecie a experiência completa.

Quer exemplos práticos: uma cerveja de trigo alemã (Paulaner, Erdinger) pede o copo típico, que é aquele alto, para que todo conteúdo da cerveja fique no mesmo recipiente, até as leveduras que se depositam no fundo da cerveja; uma cerveja Belgian Golden Strong Ale (Duvel, Delirium Tremmers) pede um copo taça para sentir melhor os aromas e sabores que ela proporciona.

6# Preste atenção no visual

Shutterstock

Qual é a cor da cerveja: amarelo palha ou marrom avermelhado? O líquido é cristalino ou turvo? Forma muita ou pouca espuma? Pouco da experiência da cerveja está no seu visual. Observando ela, você vai ver características próprias a cada estilo.

7# Pode cheirar a bebida

Shutterstock

Uma parte importante de beber uma cerveja artesanal está em sentir o aroma da bebida. Com ele, você vai perceber diferenças do estilo e da cervejaria, como notas frutadas, cítricas, herbal, chocolate, café, entre outros.

Por isso, não tenha vergonha de meter no nariz no copo.

8# Sinta o sabor

Shutterstock

Nem tudo que aparece no aroma vai repetir no sabor da bebida. Às vezes, você vai perceber notas cítricas acompanhando, outras vezes não. No paladar, perceba o amargor, o quanto a cerveja tende para o leve/refrescante ou tem um potencial mais pesado (corpo elevado), licoroso e alcoólico.

9# O mais importante de tudo

Shutterstock

No final, o importante não é se prender as questões técnicas, mas se o rótulo te agradou ou não. Caso positivo, marque o estilo ou rótulo na sua cabeça (ou celular), porque esta cerveja já te conquistou!

Comentários

Importante - Os comentários realizados nesse artigo são de inteira responsabilidade do autor (você), antes de expressar sua opinião sobre temas sensíveis, leia nossos termos de uso

Recomendado para você

Populares

Parceiros

Estilo e Moda Masculina para o Homem Moderno
A gente também pode
Fique por dentro de todas as novidades do blog
O primeiro e maior blog de engenharia do Brasil
Caderno de receitas, culinária prática e rápida
Bom Humor e Boa Bebida Liberados!
A Bartender Store é referência no seguimento de Coquetelaria e Bares por oferecer diversos produtos e serviços voltados para um público diverso e cada vez mais exigente
Inspiração para homens que querem ter uma casa ou home-office com identidade e que reflita a sua personalidade
esporte de um jeito diferente
Homem também tem que ter estilo
Pausa para Nerdices - Sua dose diária de entreterimento
Tudo sobre seu carro
Fique por dentro de tudo que acontece no Manual do Homem Moderno.

Cadastre-se e receba semanalmente os principais destaques do Universo Masculino »